A verdade que ninguém te contou sobre orgasmos múltiplos

"Os orgasmo múltiplos vêm em sequência, um orgasmo atrás do outro", explica a especialista em sexualidade Sônia Lina | Foto: Reprodução
“Os orgasmo múltiplos vêm em sequência, um orgasmo atrás do outro”, explica a especialista em sexualidade Sônia Lina | Foto: Reprodução

Orgasmos múltiplos são um mistério para a maioria das pessoas. Enquanto as mulheres anseiam por experimentá-los, homens querem, ao menos, saber como proporcioná-los às suas parceiras. Veja no vídeo abaixo.

Para desvendar esse assunto, o Folha Z consultou a especialista em sexualidade Sônia Lima e fez a pergunta que não quer calar: como chegar a um orgasmo múltiplo?

A verdade que ninguém te contou sobre orgasmos múltiplos

? Você vai se surpreender quando descobrir como atingi-los: ? https://goo.gl/CB77SM

Publicado por Folha Z em Quarta, 28 de junho de 2017

Antes de qualquer coisa, Sônia explicou que um orgasmo, tanto para homens quanto para mulheres, é o ponto máximo de prazer em uma relação sexual. Geralmente, é o momento em que há contração dos músculos e intensa excitação. Na sequência, há o que é conhecido como “período refratário”, momento em que há uma bruca queda na excitação e relaxamento muscular.

publicidade

Por sua vez, “os orgasmo múltiplos vêm em sequência, um orgasmo atrás do outro”, explicou Sônia Lina. Nesse caso, não há relaxamento muscular ou fim da sensação de prazer.

Sobre a possibilidade de orgasmo múltiplo masculino, Sônia destacou a vertente do sexo tântrico, pouco convencional. “É uma coisa mais filosófica, é orgasmo sem ejaculação”, explicou.

Para que a mulher exercite sua sexualidade ou mesmo pratique durante o ato sexual com seu parceiro, Sônia recomenda que os preconceitos sejam abolidos. Ela indica a utilização de vibradores, que podem auxiliar na busca pelo orgasmo simples ou mesmo múltiplo. “São acessórios como o ‘meu vibro’ (veja imagem). Ele tem vibrações e joga ondas dentro do canal vaginal e ajuda na sensibilidade”, explicou.

LEIA MAIS: A secreta ligação entre sexo oral e o alfabeto [+18]

O que atrapalha

A especialista explicou também que o clímax, muitas vezes, pode ser retardado por falta de entrega ao momento. “Memso que os micromúsculos da vagina estejam sensibilizados, se a mulher estiver pensando nas contas que ela tiver pra pagar, o sexo não tem o mesmo efeito”, esplanou.

Para problemas mais graves, existem clínicas especializadas em sexualidade. Mas a dica geral da especialista é valorizar o momento, investir na auto-exploração sexual e, claro, praticar!

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter