7 pessoas da mesma família morrem em acidente na BR-153

Eles estavam próximos do destino final da viagem, Porangatu, onde passariam o Natal, quando se viram envolvidos em grave acidente

Morreram 3 adultos, duas crianças e duas bebês em acidente na BR-153 | Foto: Reprodução / Redes Sociais
Morreram 3 adultos, duas crianças e duas bebês em acidente na BR-153 | Foto: Reprodução / Redes Sociais

Uma família inteira morreu em um grave acidente na BR-153, em Porangatu, no último sábado, 22.

Eles saíram de Aparecida de Goiânia e viajavam para passar o Natal em uma fazenda.

O destino final era a própria cidade de Porangatu, local do acidente.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, 3 caminhões e 2 carros de passeio se envolveram no acidente.

Eles iam passar o Natal na cidade e levavam as crianças para conhecer a família.

Acidente

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, há indícios de que um caminhoneiro tenha dado causa ao acidente.

O caminhão teria encostado em um dos carros, que na sequência acertou o outro.

Acidente envolveu 3 caminhões e 2 veículos de passeio | Foto: Leitor / Folha Z
Acidente envolveu 3 caminhões e 2 veículos de passeio | Foto: Leitor / Folha Z

Após serem jogados para a pista contrária, os veículos foram atingidos por uma carreta que vinha no outro sentido.

Submetidos ao bafômetro, nenhum dos caminhoneiros apresentou níveis de álcool no sangue.

Ainda segundo a PRF, os discos e o tacógrafo do caminhão que teria provocado o acidente foram levados pela Polícia Técnico-Científica para apurar sua velocidade no momento da colisão.

Famílias

Em um dos carros atingidos, um Fiat Siena, seguiam o pastor Jocelio Coutinho, de 39 anos, sua esposa, a administradora de empresa de 33 anos Gislene Severo Coutinho, dois filhos e uma sobrinha.

Uma das filhas do casal tinha apenas 4 meses. O outro, 5 anos.

Já no outro veículo, um Ford Fiesta, estavam o gerente de empresa Geurivane Severo da Silva, de 39 anos, a sua esposa, a técnica em enfermagem de 31 anos Grazielli Viviane de Sousa Silva, e seus três filhos, de 3 meses, 4 anos e 11 anos.

Sobreviveram apenas Geurivane, com uma fratura na clavícula, a criança de 4 anos, com fraturas na perna e na mandíbula, e a outra de 11, que não se feriu.

Dos caminhoneiros, apenas dois deles tiveram que ser levados ao hospital.

LEIA MAIS: PC acha esconderijo em fundo falso na casa de João de Deus


Acompanhe tudo que acontece em Goiás seguindo o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook