Antes de começar a funcionar, tarifas de pedágios sobem 54% na BR-060

Os pedágios localizados na BR-060 entre Brasília-Goiânia ainda não começaram a funcionar, mas as tarifas já subiram quase 54% desde o fim de 2013, quando houve o leilão de concessão da rodovia.

52 mil carros por dia

Com as duas paradas – uma entre Alexânia e Abadiânia e outra entre Anápolis e Goiânia -, os motoristas devem pagar cerca de R$8. Valor superior aos R$5.20 previstos na época da assinatura do contrato. Pelas duas praças de pedágio devem passar diariamente 52 mil carros, em média.

A informação foi repassada pelo engenheiro Odenir Sanches, diretor-presidente da Triunfo Concebra, concessionária que administra a rodovia desde março de 2014.

Cobrança começa em junho

O valor a ser cobrado tem como base a referência estabelecida pelo próprio contrato: R$ 2,851 a cada 100 km, o que representa um deságio de 52% sobre o teto estipulado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). De acordo com o termo de concessão, são ajustadas com base na evolução do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Segundo Sanches, os prazos serão respeitados e a cobrança nos pedágios iniciará em junho. “Se as chuvas não atrapalharem, tudo ficará pronto a tempo, mas ainda dependemos das vistorias da ANTT”, salientou.

Comentários do Facebook