Covid-19: testes a domicílio começarão nesta semana em Aparecida | Foto: Divulgação/Prefeitura
Covid-19: testes a domicílio começarão nesta semana em Aparecida | Foto: Divulgação/Prefeitura

Apesar de considerar endurecer novamente as regras do isolamento social na cidade, o prefeito de Aparecida de Goiânia disse que está tranquilo quanto às recentes medidas de flexibilização adotadas.

Segundo dados apresentados por ele em entrevista coletiva na noite desta 2ª feira (4), Aparecida está abaixo do Brasil e de Goiás em casos de covid-19 por 100 mil habitantes.

Porém, a ideia é aumentar os testes para determinar a prevalência da doença.

O chamado “inquérito sorológico” será realizado a cada 15 dias.

De acordo com o secretário de Saúde, Alessandro Magalhães, o estudo será realizado como uma pesquisa de opinião.

Serão coletadas 1.200 amostras, aleatoriamente distribuídas por todas as regiões da cidade.

Após sorteio dos endereços, um agente de saúde e um pesquisador serão enviados ao local para preencher um questionário e administrar o teste rápido.

O exame detectará a presença ou não dos anticorpos relacionados à covid-19, demonstrando o espalhamento do vírus pelos bairros da cidade.

A expectativa é que a pequisa seja lançada, no máximo, até a próxima 5ª feira (7).

Gustavo Mendanha responde questionamento do repórter Marco Faleiro em entrevista coletiva virtual nesta 2ª (4) | Foto: Reprodução/Zoom
Gustavo Mendanha responde questionamento do repórter Marco Faleiro em entrevista coletiva virtual nesta 2ª (4) | Foto: Reprodução/Zoom

Outras medidas

Na entrevista, o prefeito também anunciou a criação de um fundo para financiar o setor produtivo com capital de giro a juro zero para microempreendedores individuais e micro e pequenas empresas.

O dinheiro do município será usado para avalizar empréstimos aos empresários em dificuldade.

Além disso, a prefeitura vai adquirir 30 mil cestas básicas para famílias em vulnerabilidade.

Por fim, Mendanha também adiantou que sua administração vai distribuir 120 mil máscaras de pano para a população e reforçará o seu uso por meio de sanções, que já são estudadas.

Prefeito de Aparecida, Gustavo Mendanha, em reunião por videoconferência com representantes dos poderes em Goiás | Foto: Reprodução/Instagram
Prefeito de Aparecida, Gustavo Mendanha, em reunião por videoconferência com representantes dos poderes em Goiás | Foto: Reprodução/Instagram

Reunião

Também nesta 2ª (4), o Gustavo Mendanha se reuniu por videoconferência com representantes de todos os Poderes para debater sobre a situação da pandemia no Estado.

Participaram do encontro:

  • o secretário de Saúde do Estado de Goiás, Ismael Alexandrino, que representou o governador Ronaldo Caiado;
  • o secretário estadual de Desenvolvimento e Inovação, Adriano Lima;
  • os prefeitos Iris Rezende (Goiânia) e Roberto Naves (Anápolis);
  • o presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, deputado estadual Lissauer Vieira;
  • o procurador-geral de Justiça de Goiás, Aylton Vechi (MP);
  • o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Celmar Rech;
  • o presidente do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), Joaquim de Castro;
  • e o Defensor Público Geral, Domilson Rabelo.

Em reestruturação, prefeito de Aparecida nomeia novos auxiliares


Quer receber notícias dos bastidores da política de Aparecida? NOSSO NÚMERO MUDOU!

Você está convidado a fazer parte de um grupo altamente bem informado sobre os rumos da cidade!

Basta clicar aqui para ter as matérias especiais da Folha Z direto do seu celular!

Comentários do Facebook