Assassinato do “patrão das drogas” deixa região do Monte Serrat em Aparecida em alerta

Assassianto
Assassinato foi praticado por motoqueiro que parou ao lado do veículo e efetuou vários disparos contra a vítima | Foto: divulgação

Assassinato foi registrado no final da tarde desse domingo, 7, próximo ao semáforo que separa os setores Cruzeiro do Sul e Jardim Monte Serrat, em Aparecida de Goiânia.

Segundo a Polícia Militar (PM), um jovem chamado Gabriel Magalhães, de apenas 20 anos, conduzia um Golf preto quando foi abordado por um motoqueiro que disparou várias vezes contra ele.  A vítima veio a óbito no local. De acordo com informações levantadas pelo Folha Z, Gabriel é conhecido na região como “patrão das drogas”. O jovem morto já havia sido vítima de outras tentativas de homicídio, e existe a suspeita de que a execução foi motivada por uma rixa pelo controle da venda de drogas na região. A vítima tinha passagem por furto de veículo.

Para a polícia, o crime pode abrir o início de uma guerra pela disputa da venda de drogas na região. Alguns policiais acreditam que aliados de Gabriel tentarão vingar a morte do comparsa.

Continue lendo: 
Briga por ponto de venda de coco próximo ao Serra termina em morte
Jovem conta detalhes de suposto assédio do pastor Marco Feliciano

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter.

Comentários do Facebook