Ataque de piranhas deixa mais de 40 pessoas feridas na Argentina

Piranha-vermelha é comum no rio Paraná e pode ser mais agressiva durante ondas de calor

Um ataque de piranhas deixou mais de 40 pessoas feridas em uma praia no rio Paraná, ao longo de um calçadão em Rosário, na Argentina.

Dedo amputado
A maior parte das pessoas sofreu com mordidas nos braços e pernas, mas uma menina de sete anos de idade teve parte de seu dedo amputado devido ao ataque, e um bebê ficou com uma fratura exposta.

As piranhas são carnívoras e costumam ser atraídas por sangue ou ferimentos. Algumas chegam a atacar outras da própria espécie. Segundo pescadores, alguns peixes possuem dentes fortes suficientes para romper redes de pesca.

O calor na região deixa os peixes mais agressivos

Decorações Goiânia

Comentários do Facebook