Será divulgado nesta 2ª feira (6) o calendário do pagamento do auxílio de R$ 600 mensais pela Caixa Econômica Federal.

O benefício visa atender trabalhadores informais, microempreendedores individuais, trabalhadores que contribuem com a Previdência Social como autônomos, trabalhadores intermitentes inativos, pessoas com deficiência, idosos candidatos a receber o BPC e mães chefes de família (sem marido ou companheiro).

Aplicativo

Já na 3ª feira (7), será liberado um aplicativo para cadastro de quem não está registrado em nenhuma base de dados do governo federal.

Para quem não sabe se está no Cadastro Único (CadÚnico) para programas sociais, o app também servirá como consulta, bastando colocar o número do CPF.

Pelo celular ou computador, o cidadão poderá realizar a sua “autodeclaração”.

Depois, o app usará critérios para avaliar se o trabalhador cumpre os requisitos exigidos pela lei para o recebimento da renda emergencial.

Pagamento

Com o cadastro realizado, a Caixa adianta que o pagamento poderá ser feito em até 48 horas após o registro dos dados do beneficiário.

O depósito será feito na conta bancária que o cidadão informar no ato do cadastro. Já quem não tem conta em banco poderá retirar o benefício em casas lotéricas.

Os beneficiários do Bolsa Família, por sua vez, não precisarão se inscrever no aplicativo.

Eles já estão inscritos na base de dados e poderão, entre os dias 16 e 30, escolher se receberão o Bolsa Família ou a renda emergencial, optando pelo valor mais vantajoso.

Auxílio de R$ 600 por mês: como pedir, quem tem direito e onde sacar


Acompanhe a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook