Coluna Na Marca do Pênalti – Corinthians, o time a ser batido

Na marca do Pênalti

Sem saber o que é derrota em 2015, o Corinthians, até o momento, é o time a ser batido no futebol brasileiro.

Com a volta de Tite ao comando da equipe, o Timão reencontrou o caminho das vitórias, principalmente, pelo placar de 1 a 0.

Tite é o grande responsável pela boa fase do Timão
Tite é o grande responsável pela boa fase do Timão

O treinador tem o elenco nas mãos e conhece cada um dos jogadores em particular. Sabe o que podem render e a melhor forma para isso acontecer.

A equipe é muito compacta. Marca bem e sai rapidamente para o ataque. Faz poucos gols, mas, em compensação, quase não leva. Sabe segurar o resultado e cadenciar os jogos.

Com Tite, o Corinthians é um time mortal, certeiro. Ele é um grande estrategista e tem um bom elenco nas mãos. Sem muitas peças de reposição, mas o suficiente para montar uma equipe competitiva e brigar por títulos nesta temporada.

Destaques individuais

Tem um bom goleiro e em ótima fase. Cássio tem sido um monstro embaixo das traves. A defesa é sólida e bem representada por Gil, um marcador incansável. No meio-campo, joga o melhor jogador do time: o versátil Elias.

Na frente, Guerrero e Emerson se completam perfeitamente e mostram que atacante não precisa fazer gol para jogar bem e ajudar a garantir as vitórias.

Elias é peça fundamental no time do Corinthians
Elias é peça fundamental no time do Corinthians

Não é uma equipe que precisa golear para jogar bonito. A disciplina tática, o entrosamento, o toque de bola rápido e certeiro e o futebol objetivo, fazem do Corinthians, atualmente, o melhor time do Brasil. Os resultados são incontestáveis.

Sonho de consumo

A Libertadores é mais uma vez o sonho de consumo. Mesmo em um grupo considerado o mais difícil da competição, a equipe alvinegra caminha para se classificar com facilidade.

Se conseguir manter Gil e Guerrero – o primeiro cobiçado por times de fora e o segundo com uma renovação emperrada -, o Timão chega forte também para a disputa do Brasileirão. 2015 caminha para ser o ano do alvinegro

Comentários do Facebook