Passo-a-passo de como consultar multas em Goiás | Foto: Detran
Veja também como consultar multas em Goiás | Foto: Detran

Como consultar multas em Goiás? É um processo muito simples e leva apenas alguns minutos do seu tempo.

Se acaso a infração foi expedida por órgãos estaduais, é mais fácil ainda.

Então basta que você reúna os documentos de identificação do veículo e acesse online.

Além disso, por meio desses sistemas, você pode também consultar a situação e os débitos do veículo e os pontos na carteira do condutor.

Emancipação Aparecida 300×250

Então confira na sequência o passo a passo de como consultar multas(ou a ausência delas) online.

Quem pode expedir multas?

SMT (Secretaria Municipal de Trânsito) é um dos órgãos que pode multar condutores em Goiânia | Foto: Reprodução
SMT (Secretaria Municipal de Trânsito) é um dos órgãos que pode multar condutores em Goiânia | Foto: Reprodução

Antes que seja explicado como consultar multas, cabe esclarecer que vários órgãos podem expedir multas. São eles:

  • Secretaria Municipal de Trânsito (SMT);
  • Guarda Civil Metropolitana;
  • Polícia Militar;
  • Polícia Rodoviária Estadual;
  • Polícia Rodoviária Federal;
  • Câmeras e radares.

Qual é o valor das multas?

Preço da multa varia de acordo com a gravidade | Foto: Reprodução
Preço da multa varia de acordo com a gravidade | Foto: Reprodução

De acordo com o artigo 258 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), as multas são divididas em leves, médias, graves e gravíssimas.

Dessa maneira, quanto mais grave for a infração cometida, maior será o valor cobrado como sanção.

De acordo com a legislação, a gradação das multas é a seguinte:

  • Multa leve: R$ 88,38;
  • Multa média: R$ 130,16;
  • Multa grave: R$ 195,23;
  • Multa gravíssima*: R$ 293,47.

*No caso das multas gravíssimas, ainda pode ser aplicado um fator multiplicador, que serve para agravar a penalidade.

Quantos pontos vou receber na CNH?

Números gravados na CNH também dependem da gravidade da infração | Foto: Reprodução
Números gravados na CNH também dependem da gravidade da infração | Foto: Reprodução

Por outro lado, além do valor da multa, o número de pontos emitidos na CNH também depende da infração cometida.

Dessa maneira, o artigo 259 do CTB estabelece que são computados os seguintes números de pontos a cada infração cometida:

  • gravíssima – sete pontos;
  • grave – cinco pontos;
  • média – quatro pontos;
  • leve – três pontos.

Por consequência, o número máximo de pontos anuais permitido na CNH é 19. A partir de 20 pontos, o processo de suspensão da carteira já poderá ser iniciado.

Como faço para saber se tenho multas de trânsito?

Posto que já estabelecemos as diretrizes gerais de como funciona o sistema de infrações de trânsito no Brasil, vamos aos detalhes de como consultar multas.

Para que você saiba se tem uma multa pendente, basta consultar o site do Departamento de Trânsito.

Em outras palavras, as infrações constam como pendências relacionadas ao veículo, como licenciamentos e outras taxas.

Que documentos são necessários para consultar multas?

CRV e CRLV são documentos importantes para os proprietários de veículos | Foto: Reprodução
CRV e CRLV são documentos importantes para os proprietários de veículos | Foto: Reprodução

Nesse sentido, no Detran Goiás e na maioria dos departamentos de trânsito do Brasil, dois principais números são exigidos na hora da consulta.

Sem dúvida, o mais importante deles é o Renavam (Registro Nacional de Veículos Automotores).

Ele pode ser encontrado no CRV ou CRLV do veículo:

  • CRLV: Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (documento renovado anualmente após pagamento do IPVA);
  • CRV: Certificado de Registro de Veículo (recibo de transferência de propriedade do carro).

Além disso, também é solicitado pelos sistemas de consulta o número da placa do veículo.

Como consultar multas de trânsito no Detran Goiás?

No site do Detran Goiás, o processo de como consultar multas segue as dicas listadas acima.

Então siga corretamente os próximos passos:

  1. Acesse o site detran.go.gov.br;
  2. No menu lateral esquerdo, clique em “veículos”;
  3. Na gaveta que se abre, clique em “consulte seu veículo”;
  4. Na próxima janela, marque “LI e CONCORDO com o conteúdo das orientações acima” e confirme;
  5. Agora, é só digitar as informações da placa e do Renavam, marcar “não sou um robô” e clicar em “consultar”;
  6. Pronto! Você já saberá se existe algum débito para o seu veículo.

Por fim, confira o passo a passo no gif a seguir:

Animated GIF - Find & Share on GIPHY

Como obter desconto nas multas de trânsito? 

Os motoristas de Goiás podem receber 40% de desconto em multas de trânsito.

A novidade foi divulgada pelo Detran-GO e pela Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop) após a adesão do Estado ao Sistema de Notificação Eletrônica (SNE).

O benefício será concedido por meio do aplicativo do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) para os condutores que reconhecerem a infração assim que receberem a notificação, sem apresentar defesa prévia e recurso.

Após essa verificação, sistema gerará um código de barras para pagamento no aplicativo.

Como consultar multas pela placa?

Se acaso você precise consultar multas usando apenas a placa do veículo, existe uma solução mais simples para esse problema.

Posto que o processo nem sempre dá certo, para obter as informações completas, é bom mesmo informar também o Renavam.

No entanto, se você não tem esse número, existe uma solução.

Há um site que permite essa consulta por meio do pagamento de uma taxa.

Finalmente, uma vez na página inicial do site, o internauta deve digitar seu e-mail e a placa do veículo.

CLIQUE AQUI e veja como conferir multas pela placa do veículo no Detran Goiás

E as multas da Polícia Rodoviária Federal?

Polícia Rodoviária Federal (PRF) também pode emitir infrações nas rodovias brasileiras | Foto: Reprodução
Polícia Rodoviária Federal (PRF) também pode emitir infrações nas rodovias brasileiras | Foto: Reprodução

Mas você também pode estar preocupado com possíveis multas recebidas durante viagens em rodovias federais.

Nesses casos, via de regra, a responsável é PRF.

As multas emitidas pela entidade podem ser consultadas no próprio site da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Por isso, o serviço de consulta e pagamento de multas informa se o veículo possui multas por infringir o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Além disso, ele permite a geração de boleto para pagamento dos débitos.

Mas detalhe: esses autos de infração extraídos podem ser incluídos no sistema até 30 dias após o cometimento da infração.

Isso significa que nos trinta dias anteriores à data da consulta o veículo pode ter sido autuado e a multa ainda não constar no banco de dados.

Caso haja registro de infrações, você poderá obter data, hora, local e enquadramento, além do boleto para pagamento da multa.

Como transferir pontos na CNH
Veja o passo a passo para transferir pontuação para o real condutor em Goiás | Foto: Reprodução
Veja o passo a passo para transferir pontuação para o real condutor em Goiás | Foto: Reprodução

Depois de constatar que há uma multa pendente no sistema, você pode transferi-la para outro motorista.

Para que o processo seja válido, deve ser feito dentro do prazo para transferência.

Assim, para fazer a solicitação, basta apresentar os seguintes documentos:

  1. Cópia da notificação de autuação;
  2. Cópia da CNH do proprietário do veículo;
  3. Cópia do CRLV do veículo;
  4. Declaração de indicação de real condutor*;
  5. Cópia da CNH do real conduto;
  6. Endereço completo do condutor com assinatura dele e do proprietário do veículo.

*A declaração de indicação de real condutor é enviada juntamente com a notificação da multa ao endereço do proprietário do veículo.

Com efeito, essa solicitação pode ser feito nas unidades de Vapt-Vupt do Araguaia Shopping, Buena Vista, Praça da Bíblia e unidade padrão, na sede do Detran-GO.

No entanto, em caso de notificações aplicadas pelo Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (Dnit) ou Polícia Rodoviária Federal (PRF), o processo deve ser feito junto a esses órgãos.


Acompanhe tudo que acontece em Goiânia seguindo o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)