O Diário Oficial da União publicou nesta quarta-feira, 22, o edital para o Concurso MPU 2018.

Ao todo, são 47 vagas para o certame do Ministério Público da União (MPU).

São 36 vagas nos cargos de Analista do MPU/Direito e salário de R$ 11.259, 81.

Já para o cargo de técnico do MPU/Administração são 11 vagas, com remuneração de R$ 6.862,72.

A carga horária para ambos os cargos são de 40 horas semanais.

O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos – Cebraspe é o órgão responsável pela organização do concurso.

Inscrições para o Concurso MPU 2018

As inscrições vão das 10h de 23/08 até as 18h de 10/09.

O valor do cadastro é R$ 60 para nível superior e R$ 55 para nível médio.

Mas detalhe: dia 01/10 será o último dia para pagamento.

O candidato poderá alterar, durante o período de inscrição, a Unidade Federal (UF) de vaga, cidade de realização das provas, sistema de concorrência ou atendimento especial.

É permitido ainda que o candidato se inscreva para os dois cargos, já que no edital prevê a realização das provas em dois horários distintos.

Somente a mudança de cargos, seja de Analista para Técnico ou vice e versa, está vedada.

Vagas para o Concurso MPU 2018

Para o cargo de Analista do MPU – Apoio Jurídico é necessário o curso superior em Direito.

As vagas são para o Amazonas, Amapá, Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rio de Janeiro, Rondônia, Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Já para Técnico do MPU – Apoio Técnico-Administrativo, as vagas são destinadas para o Acre, Amapá, Distrito Federal, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul.

A tabela abaixo ilustra o arranjo das vagas:

Tabela com os cargos e a distribuição das vagas | Foto: edital MPU

LEIA MAIS: Inhumas: MP requer concurso após anulação de nomeações

Provas

A aplicação das provas está prevista para 21 de Outubro de 2018.

Pela manhã serão os candidatos ao cargo de Analista. No turno vespertino, é a vez dos candidatos a técnico.

As provas serão do tipo objetiva, com 120 questões.

Para o cargo de analista, haverá também questões discursivas, de caráter classificatório e eliminatório.

A duração das provas para o cargo de Analista será de 4 horas e 30 minutos.

O certame para os candidatos a Analista contará com 50 questões de conhecimentos básicos: Português, Acessibilidade, Ética no serviço público e Legislação aplicada ao MPU e CNMP.

Além disso, também haverá 70 questões sobre conhecimento específico: Direito constitucional, Direito administrativo, Direito do trabalho, Direito processual do trabalhoDireito civil, Direito processual civil, Direito penal e processual penal e Direito penal militar e processual penal militar.

Já para os candidatos à Técnico do MPU, o prazo de realização é de 3 horas e 30 minutos.

Serão também 50 questões de conhecimento básico e 70 de conhecimento específico para o cargo de Técnico.

Em conhecimento básico, cairá: Português, Acessibilidade, Ética no serviço público e Legislação aplicada ao MPU e CNMP. Já conhecimento específico: Direito constitucional, Direito administrativo, Administração, Arquivologia e Administração financeira e orçamentária.

Benefícios

Quem atua no MPU tem direito a um pacote de benefícios, incluindo gratificações. São eles: auxílio-alimentação de R$ 884 (já incorporado no salário), auxílio-transporte (variável de acordo com a localidade) e assistência pré-escolar de R$ 699.

As gratificações, como de Atividade do Ministério Público da União (GMPU) e de Qualificação e Treinamento (GQT), serão incluídas no salário do servidor.

Atribuições e requisitos

O Técnico do MPU deve ser certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo órgão competente.

Umas de suas atribuições é auxiliar na prática de atos em processos judiciais e na instrução e acompanhamento de processos administrativos e procedimentos extrajudiciais; desempenhar atividades de apoio técnico-administrativo; etc.

Candidatos do Concurso MPU 2018 a Analista deverão possuir diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Algumas das funções exercidas pelo cargo é assessorar os membros e chefias na coordenação e supervisão das atividades de processos judiciais e administrativos e de procedimentos extrajudiciais; planejar e executar tarefas relativas à análise jurídica de atos, documentos, processos judiciais e administrativos e de procedimentos extrajudiciais, produzindo os atos e documentos pertinentes; etc.

Para maiores informações acesse o edital do concurso.

Cadastro de reserva

Há também a formação de mais de 7 mil cadastros de reserva para ambos os cargos. Vide tabela:

Tabela com número de candidatos com cadastro de reserva para o Concurso MPU 2018 | Foto: Reprodução/ Edital
Tabela com número de candidatos com cadastro de reserva para o Concurso MPU 2018 | Foto: Reprodução/ Edital

Quer receber informações sobre vagas de emprego, concursos e outras oportunidades?

Mande uma mensagem para o Whatsapp do Folha Z e se cadastre para ter notícias direto do seu celular!

É só adicionar o telefone do jornal à sua agenda e mandar o seu nome e a seguinte mensagem: “quero notícias de concursos e vagas”.

Comentários do Facebook