Aparecida monitora ocupação de leitos de UTI por casos de coronavírus na cidade | Foto: Enio Medeiros
Aparecida monitora ocupação de leitos de UTI por casos de coronavírus na cidade | Foto: Enio Medeiros

Aparecida de Goiânia chegou à marca de 2.020 casos confirmados de coronavírus nessa 4ª feira (24).

Foram 150 novas confirmações apenas nas últimas 24h.

Já as mortes permaneceram em 33, havendo outras 4 ainda sob investigação.

Com isso, a ocupação dos leitos de UTI destinados a pacientes com o vírus também atingiu uma das maiores taxas até hoje, desde o início da pandemia.

De acordo com boletim da Secretaria Municipal de Saúde, 100% das vagas de UTI para covid-19 na rede privada estão ocupados nesse momento.

Na rede pública, a taxa é de 49%.

Risco da pandemia de coronavírus em Aparecida

Cenários de risco da pandemia do novo coronavírus em Aparecida | Foto: Divulgação
Cenários de risco da pandemia do novo coronavírus em Aparecida | Foto: Divulgação

A crescente nesses números fez com que Aparecida mudasse a classificação do nível de risco da pandemia na cidade para “Moderado”, segundo matriz do Ministério da Saúde.

A consequência foi um enrijecimento nas medidas de combate ao vírus.

Assim, toda a cidade terá lockdown aos domingos, quando apenas supermercados, padarias, farmácias, postos de combustível e serviços de saúde de urgência e emergência estão autorizados a abrir as portas.

Caso o risco chegue ao grau alto, cada macrozona deverá ser fechada 2 vezes por semana, o dobro do escalonamento atual.

Além disso, o lockdown geral iniciará às 13h de sábado, estendendo-se até o domingo.

Aparecida entra em risco amarelo e terá lockdown aos domingos


Acompanhe tudo que acontece em Aparecida de Goiânia seguindo a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook