Especialista em segurança dá dicas para não ser assaltado dentro de um ônibus em cidades grandes como Aparecida de Goiânia | Foto: Reprodução
Especialista em segurança dá dicas para não ser assaltado dentro de um ônibus em cidades grandes como Aparecida de Goiânia | Foto: Reprodução

Parece absurdo falar sobre recomendações para evitar ser assaltado dentro de um ônibus do transporte coletivo.

Mas, com os altos índices da criminalidade em Goiás, essas dicas passaram a ser de grande valia para o usuário do serviço.

De acordo com o ex-delegado e especialista em segurança Jorge Lordello, algumas medidas e precauções podem ser determinantes para evitar que o passageiro seja assaltado nos ônibus de uma cidade grande como Aparecida de Goiânia.

Confira na sequência (é só arrastar para o lado).

1. Evite ficar sozinho em pontos de ônibus isolados, especialmente à noite.

O conselho parece ser difícil de seguir, já que escolher um ponto de ônibus em local mais movimentado acaba sendo um luxo para poucos.

A dica aqui é usar aplicativos para celular que avisam com antecedência o horário em que o ônibus vai passar por ali.

Assim o passageiro pode se deslocar até o ponto instantes antes de embarcar, evitando a espera perigosa.

A Rede Metropolitana de Transportes Coletivos da Grande Goiânia tem um aplicativo oficial para esse fim, o SiMRmtc.

2. No interior de ônibus com poucos passageiros, sente-se próximo ao motorista.

O assento mais próximo do motorista é o melhor lugar para quem quer evitar ser alvo de um roubo ou arrastão.

Isso porque é provável que o ladrão queira evitar entrar em contato com funcionários para diminuir as chances de que alguém o reconheça.

Além disso, é na pate frontal dos ônibus que ficam as câmeras de segurança, caso o veículo seja equipado com o sistema.

3. Dentro do coletivo, coloque a carteira, a bolsa, pacotes ou sacolas à frente do seu corpo.

Com o movimento do veículo e as várias distrações do momento, o interior do ônibus se torna o local ideal para a ação dos “gatunos”.

Esses são criminosos que não praticam roubos, mas sim furtos, chegando mesmo a usar facas para cortar o tecido de mochilas e bolsas para ter acesso ao conteúdo desses objetos.

Por isso, a dica pra quem não quer ser vítima desses criminosos é sempre andar com bolsas, mochilhas e sacolas para a frente do corpo.

Além disso, é essencial nunca colocar celular e carteira no bolso de trás da calça.

4. Cuidado com objetos alvo dos ladrões, como, celulares, bolsas, carteiras, correntes, pulseiras etc.

Essa é uma das mais óbvias, mas ainda assim indispensável.

A dica é evitar carregar consigo objetos de valor. Se for necessário carregá-los, que seja dentro de uma mochila, para que não fiquem visíveis.

Assim você evita chamar a atenção os ladrões.

5. Evite ficar junto à porta de embarque e de desembarque, pois é o local propício para a prática de ladrões.

Pode ser mais prático ficar próximo à porta de saída do ônibus, mas também é mais perigoso.

Isso porque o criminoso pode se aproveitar da sua proximidade com a área de desembarque e tentar tomar algo de você (relógio, celular, bolsa etc.).

Considerando que o ladrão pode se apoderar do objeto e já correr para a fuga pela saída, o local acaba se tornando um atrativo.

6. Se for sentar junto à janela, fique atento e não abra muito o vidro.

Além da presença de criminosos dentro do veículo, é preciso atenção também com as ameaças exteriores.

Os relatos são fartos de pessoas que foram roubadas, literalmente, pela janela do ônibus.

Há até ladrões que se especializam nessa prática.

7. Em ônibus superlotado, cuidado com pessoas que insistem em conduzir seus pacotes ou bolsas.

A última dica é mais delicada, pois envolve desconfiar de quem se oferece para ajudar.

Mas a ideia não é fechar a cara para qualquer um que tente ser gentil.

O que o especialista aconselha é ter bom senso: se carregar algo muito valioso na mochila, por exemplo, não a confie a um estranho.

8. Dr. Segurança

Jorge Lordello é bacharel em Direito e foi delegado de Polícia em São Paulo por mais de 20 anos.

Também trabalhou como comentarista de segurança no programa “A Tarde É Sua”, de Sônia Abrão, e agora comanda o programa “Operação de Risco” na Rede TV.

O que você achou das dicas? Deixe um comentário aí embaixo!

5 bairros são campeões de roubos de carros em Aparecida


Concorra a R$ 300 em compras nos Supermercados Tatico.
Participe do sorteio AGORA. Basta você clicar AQUI  (EU QUERO GANHAR) e seguir as regras

 

Comentários do Facebook