Do espeto pra brasa – Jogo Limpo com Rodrigo Czepak

Jogo Limpo com Rodrigo Czepak

Manifestações contra o governo seguem em 2015
Manifestações contra o governo seguem em 2015

Do espeto pra brasa

Balanço do “Vem pra Rua” de 16 de agosto: Dilma Rousseff continua com fraturas expostas, respirando no fundo do poço. “Sorte” da presidente que o balde com água que poderia causar-lhe afogamento está nas mãos da dupla Michel Temer & Renan Calheiros, discípulos de José Sarney na arte de garantir governabilidade. PMDB e o poder, tudo a ver.

Distância regulamentar

Abatido e ao mesmo tempo determinado a recuperar prestígio político perdido nas últimas semanas, presidente da Câmara Eduardo Cunha disparou telefonemas para três parlamentares influentes no Congresso Nacional. O gesto de humildade, entretanto, não foi suficiente para amolecer o coração dos interlocutores. Todos recusaram convite para encontros reservados.

Voltas do mundo

Quem um dia imaginava ver o sociólogo Fernando Henrique Cardoso falando bobagens pelos cotovelos como o metalúrgico Luiz Inácio Lula da Silva. E as declarações de ambos, geralmente afoitas, servem tão-somente para acalorar ainda mais o debate entre tucanos e petistas fanáticos.

FHC disse estar com vergonha do momento da Petrobrás
Ex-presidente brasileiro Fernando Henrique Cardoso

Torneira vazia

Tudo bem que o debate político está no centro das discussões, porém já passou da hora da mídia e da sociedade retomarem o alerta sobre a flagrante diminuição no nível dos reservatórios de água em pelo menos três estados: SP, RJ e MG. O custo para o país será novamente muito elevado se a mobilização pelo racionamento não for eficaz.

Intriga interna

O ambiente político no Governo de Goiás anda tão carregado que já rola bolão entre os servidores para saber qual secretário será o primeiro a sucumbir diante das adversidades administrativas: Raquel Teixeira (Educação), Leonardo Vilela (Saúde) ou Ana Carla Costa (Fazenda)? E a disputa vem sendo incentivada pelos instrumentos de comunicação ligados diretamente ao 10º andar do Palácio Pedro Ludovico. Por motivos óbvios, Jayme Rincón (Agetop) não faz parte da lista.

Teste de resistência

O único desejo da torcida do Goiás, agora um pouco mais animada com o time após a goleada sobre o São Paulo no Morumbi, é que o atacante Zé Love, novo contratado, se apaixone pelo clube e não pela sedutora noite de Goiânia. Poucos conseguem resistir às tentações do quadrilátero do setor Marista.

Solteiros na pista

E por falar em balada noturna, já tem jogador fazendo conta nos três clubes da capital (Goiás, Atlético e Vila Nova) para que ocorra “coincidência” na suspensão por cartões amarelos com o final de semana de realização do festival Villa Mix, véspera do feriadão de 7 de setembro. Trata-se de um subterfúgio bastante utilizado pelos boleiros, apesar da advertência das comissões técnicas dos clubes.

Comentários do Facebook