Em mensagem pelo Twitter, papa Francisco pede orações aos fiéis

 

Twitter

 

publicidade

Vaticano – Contrariando o estilo atribuído a ele de ser avesso à tecnologia, o papa Francisco enviou ontem (17) mensagem aos fiéis pela rede social Twitter. No texto, pede que rezem por ele e chama os fiéis de “queridos amigos”. A mensagem foi traduzida em nove idiomas, inclusive o português.

“Queridos amigos, eu lhes agradeço e peço que continuem a rezar por mim”, disse o papa Francisco na rede social que conta com mais de 3,4 milhões de seguidores. O texto foi enviado logo depois da Hora do Angelus.

Mensagem do papa

Ontem (17), a Praça São Pedro lotou para ouvir a mensagem do papa. Ele recomendou que as pessoas aprendam a perdoar, a exemplo de Deus e Jesus Cristo. Como exemplo de perdão, Francisco citou a passagem bíblica em que Jesus Cristo salva a mulher adúltera da morte. Ressaltou que no lugar do desprezo é preciso sentir amor. “Não sentimos desprezo, mas amor. A paciência que há na sua misericórdia. Não se cansa de perdoar”.

Episódio raro

O papa disse ainda que há 11 anos viveu um episódio raro, quando uma anciã, em Buenos Aires, lhe ensinou o sentido do perdão. “’Se o Senhor não perdoasse tudo, o mundo não existiria’, disse a senhora para mim”, contou. “Pensei: ela tem a sabedoria dos gregorianos, de quem estuda a essência do Espírito Santo”, acrescentou.

Renata Giraldi
Enviada Especial da Agência Brasil/EBC