Empresário de Aparecida chora após vencer covid-19 em 15 dias de UTI

De cadeira de rodas, Pedro Vitorino foi recebido por familiares no corredor do hospital, com direito a trilha sonora, lágrimas e desabafo: "O sofrimento é muito grande. Para voltar disso aqui, só eu sei o que passei". Veja no vídeo

Um empresário de Aparecida de Goiânia recebeu alta nesta 5ª feira (28) após ficar 15 dias na UTI lutando contra a covid-19 e o vídeo desse momento emocionou a internet.

Um empresário de Aparecida de Goiânia recebeu alta nesta 5ª feira (28) após ficar 15 dias na UTI lutando contra a covid-19 e o vídeo desse momento emocionou a internet. De cadeira de rodas, Pedro Vitorino Pereira foi recebido por familiares no corredor do hospital. Ao fundo, um músico providenciou a tocante trilha sonora do reencontro da família, separada por mais de 2 semanas por causa da doença contagiosa. Empresário do ramo de fabricação de troféus, Pedro também recebeu a visita do Secretário de Esportes, Lazer e Juventude de Aparecida, Gerfeson Aragão. Enfermeiras e funcionários do hospital também se reuniram para celebrar o momento, marcado por lágrimas e muita comemoração. Recado Nas imagens, o empresário ainda relatou a dificuldade dos últimos dias e alertou a população e os gestores sobre a gravidade do problema. “Queria que o Iris e o Gustavo ficassem sabendo. Não deixem o povo voltar a trabalhar, porque essa doença mata”, disse ele, com a voz embargada. E ainda completou: “O sofrimento é muito grande. Para voltar disso aqui, só eu sei o que passei”. Por fim, ele ainda agradeceu a equipe do hospital, que o auxiliou nos dias em que esteve entubado, respirando com a ajuda de aparelhos. Campanha Pelas redes sociais, filhas do idoso promoveram uma campanha na tentativa de ajudar o pai. Elas pediram doações de sangue de pessoas que já haviam se curado da covid-19. A utilização do plasma sanguíneo de pessoas já recuperadas nos doentes é uma das terapias mais promissoras, segundo médicos, porque estimula o sistema imunológico para se defender do vírus com anticorpos específicos. Após poucos dias de campanha, foram mais de 1.500 compartilhamentos das mensagens nas redes sociais, movimento que ajudou a família a encontrar doadores compatíveis. “Me emocionei muito com a grandeza das mensagens de otimismo e fé que todos deixaram. Colocarei todos nas minhas orações”, escreveu uma das filhas do empresário.

Welcome back to Instagram. Sign in to check out what your friends, family & interests have been capturing & sharing around the world.

De cadeira de rodas, Pedro Vitorino Pereira foi recebido por familiares no corredor do hospital.

Ao fundo, um músico providenciou a tocante trilha sonora do reencontro da família, separada por mais de 2 semanas por causa da doença contagiosa.

Empresário do ramo de fabricação de troféus, Pedro também recebeu a visita do Secretário de Esportes, Lazer e Juventude de Aparecida, Gerfeson Aragão.

Enfermeiras e funcionários do hospital também se reuniram para celebrar o momento, marcado por lágrimas e muita comemoração.

Recado

Empresário de Aparecida reencontra família após semanas de UTI devido à covid-19 | Foto: Reprodução
Empresário de Aparecida reencontra família após semanas de UTI devido à covid-19 | Foto: Reprodução

Nas imagens, o empresário ainda relatou a dificuldade dos últimos dias e alertou a população e os gestores sobre a gravidade do problema.

“Queria que o Iris e o Gustavo ficassem sabendo. Não deixem o povo voltar a trabalhar, porque essa doença mata”, disse ele, com a voz embargada.

E ainda completou: “O sofrimento é muito grande. Para voltar disso aqui, só eu sei o que passei”.

Por fim, ele ainda agradeceu a equipe do hospital, que o auxiliou nos dias em que esteve entubado, respirando com a ajuda de aparelhos.

Campanha pelo empresário de Aparecida

Família fez campanha bem sucedida em busca de plasma de doadores já curados da covid-19 | Foto: Reprodução
Família fez campanha bem sucedida em busca de plasma de doadores já curados da covid-19 | Foto: Reprodução

Pelas redes sociais, filhas do idoso promoveram uma campanha na tentativa de ajudar o pai.

Elas pediram doações de sangue de pessoas que já haviam se curado da covid-19.

A utilização do plasma sanguíneo de pessoas já recuperadas nos doentes é uma das terapias mais promissoras, segundo médicos, porque estimula o sistema imunológico para se defender do vírus com anticorpos específicos.

Após poucos dias de campanha, foram mais de 1.500 compartilhamentos das mensagens nas redes sociais, movimento que ajudou a família a encontrar doadores compatíveis.

“Me emocionei muito com a grandeza das mensagens de otimismo e fé que todos deixaram. Colocarei todos nas minhas orações”, escreveu uma das filhas do empresário.

Testamos positivo para covid-19′: Mensagem surpreende trabalhadores da coleta de lixo em Aparecida


Acompanhe tudo que acontece em Aparecida de Goiânia seguindo a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook