Levar um cachorrinho para casa envolve muito mais do que lambidinhas e latidos, mas também uma série de responsabilidades, que vão muito além das regras de “fique” ou “sente”.

Você terá de lidar com o adestramento como um todo, ensinar que pedir comida e pular nas pessoas é errado, entre outros.

O ensinamento mais complexo, até pela idade do filhote e pelas consequências do erro é que o xixi e o cocô têm um local separado.

Ensinar isso a um filhote, ainda mais quando não se pode usar da comunicação racional, se mostra um grande desafio.

Unifan Bolsas de até 70% – 300×250

Por isso, separamos aqui dicas de adestramento de cachorro para você não passar sufocos nem prejuízos evitáveis.

Como educar seu filhote de cachorro

Usaremos aqui dicas de adestramento de cachorro para que você possa não somente usar na situação do cocô e xixi, mas sim para que você possa ter um cão obediente em qualquer situação.

Brigar com seu cachorro caso ele faça as necessidades no lugar errado não o fará aprender a fazer no lugar certo | Foto: Pexels
Brigar com seu cachorro caso ele faça as necessidades no lugar errado não o fará aprender a fazer no lugar certo | Foto: Pexels

Preparado? Papel e caneta em mãos, vamos às dicas:

Delimite um local claro

Quer seja através de tapetes higiênicos que possuem cores pretas, ou bordas bem chamativas, deixe bem claro um ambiente separado para seu cachorro fazer as necessidades. Fazendo uso dos próprios aparatos sensitivos dos cães, procure deixar um cheirinho específico no local também. Tudo para fazer daquele ponto algo facilmente memorável;

Não brigue com seu cachorro

Sim, isso parece bem contra produtivo. Mas brigar com seu cachorro caso ele faça as necessidades no lugar errado não o fará aprender a fazer no lugar certo, mas sim, ter medo de evacuar como um todo. Se sentir a necessidade de dar alguma bronca, não cite o nome de seu cachorro. Caso o faça, ele ligará a pronuncia do nome a algo negativo;

Mostre apreciação

Quando ele fizer cocô e xixi no cômodo escolhido, ainda que não no ponto certo, mostre que ficou contente. Faça bastante festa, dê petiscos e muito carinho. Esse reforço positivo vai fazer com que ele lembre de fazer sempre naquele local;

Crie comandos e ações

No começo vai parecer até bobo, mas quando pegar seu cachorro tentando fazer xixi e cocô no lugar errado, fale uma frase fixa, como “VÁ PRO BANHEIRO” pegue seu cachorro na mão e repita a frase enquanto o leva ao ponto do banheiro. No começo, você pode terminar tomando um banho de xixi, mas valerá a pena;

Cada cachorro pode precisar de uma pegada diferente nos ensinamentos | Foto: Pexels
Cada cachorro pode precisar de uma pegada diferente nos ensinamentos | Foto: Pexels

Tenha bastante paciência

Os aprendizados adquiridos nessa fase vão acompanhar o animal por toda a vida, e consequentemente, acompanharão você também!

Existem alguns produtos no mercado que ajudam bastante. Alguns sprays conseguem fazer o cachorro associar o mau cheiro a uma ação ruim e um cheiro bom a algo correto.

O uso desses sprays pode te salvar de alguns sofás destruídos, lixo espalhado pela casa ou chinelos devorados.

Todos esses apetrechos e ensinamentos fazem parte das dicas de adestramento de cachorro mais comuns, e cada cachorro pode precisar de uma pegada diferente.

É o caso dos Huskys por exemplo. São cachorros extremamente inteligentes e cheios de si.

Ao perceber que você quer deles alguma ação, nunca tomarão por ordem, mas sim como indicação ou mero conselho.

Se seu limite de paciência é baixo, cogite adquirir outra raça!

Quando adotamos cães, estamos pondo um ser em nossa | Foto: Pexels
Quando adotamos cães, estamos pondo um ser em nossa | Foto: Pexels

Os ensinamentos tornarão seu cachorro sociável

Assim como crianças, quando adotamos cães, estamos pondo um ser em nossa responsabilidade, que deve saber socializar-se bem. Uma forma de fazer com que seu cachorro seja mais apto a aprender lições é tentar fazer com que ele conviva com outros cães.

Existem grupos de pessoas que se reúnem em parques com frequência para soltar seus cães. A interação que eles têm uns com os outros acaba sendo tão enriquecedora quanto um fim de semana com um adestrador.

Tome nota disso, pesquise os parques em que isso acontece em sua cidade e deixe seu cachorro desenvolver laços de amizade! Será um passeio bem interessante. Temos certeza disso!

LEIA MAIS: Como treinar seu cachorro para não ter medo de fogos de artifício


Acompanhe o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)