Idosa leva choque elétrico após fio de alta tensão se romper em Aparecida

Bombeiros foram acionados para socorrer a vítima

idosa choque elétrico Aparecida
Bombeiros foram acionados para socorrer idosa que sofreu choque elétrico, em Aparecida | Foto: Divulgação/Bombeiros

Uma idosa de 65 anos sofreu um choque elétrico provocado pela queda de um fio da rede de alta tensão, no setor Marista Sul, em Aparecida de Goiânia.

A ocorrência foi registrada na manhã desta 2ª feira (20), na Avenida B.

URGENTE: fio de alta tensão se rompe na Avenida B, no Setor Marista Sul, e causa explosão 💣 . Parte do bairro está sem energia. Em instantes, mais detalhes

361 Likes, 6 Comments – Folha Z (@folhaz) on Instagram: “URGENTE: fio de alta tensão se rompe na Avenida B, no Setor Marista Sul, e causa explosão 💣 . Parte…”

A senhora estava passando pelo local quando o fio da rede elétrica caiu próximo a ela.

Após o susto, a vítima foi socorrida, mas se recusou a ser levada a uma unidade de saúde.

A área foi isolada e a Enel fez o desligamento da rede elétrica.

Confira nota da Enel na íntegra, enviada à Folha Z:

“A Enel Distribuição Goiás esclarece que encaminhou rapidamente uma equipe ao local nesta manhã (20) para realizar os reparos necessários na rede elétrica que atende o Setor Marista Sul, em Aparecida de Goiânia. A companhia ressalta que isolou o local e que não encontrou vítimas.

A Enel orienta, ainda, que em casos de cabos partidos, os clientes devem manter-se afastados e avisar imediatamente a distribuidora pela Central de Atendimento (0800-62-0196), ou pelos perfis nas redes sociais Facebook e Twitter (@EnelClientesBR). Somente técnicos da distribuidora, treinados para este trabalho que exige o uso de equipamentos de segurança, estão aptos a manusear a rede elétrica.”

Idosa choque fio alta tensão Aparecida
Fio de alta tensão se rompeu e provocou descarga elétrica em uma idosa, em Aparecida | Foto: Divulgação/Bombeiros

Homem é suspeito de matar a filha no Jd. Ipanema, em Aparecida


Acompanhe tudo que acontece em Aparecida de Goiânia seguindo a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook