Mãe é acusada de estuprar a filha de 9 anos em Hidrolândia

Mulher está foragida após ser acusada de estuprar a filha em Hidrolândia | Foto: Reprodução
Mulher está foragida após ser acusada de estuprar a filha em Hidrolândia | Foto: Reprodução

Uma mulher foi formalmente denunciada por estuprar a própria filha de 9 anos em Hidrolândia, Região Metropolitana de Goiânia.

A denúncia foi acatada pela juíza Wilsianne Ferreira Novato, do Tribunal de Justiça de Goiás.

Já o pai da menina, produtor rural de 43 anos, tornou-se réu por ter se omitido em relação aos crimes cometidos pela esposa.

publicidade

Enquanto o homem já está preso, a mulher ainda está foragida. O advogado do produtor rural afirmou que pedirá habeas corpus para seu cliente. O processo corre em segredo de Justiça.

Em outubro, quando as investigação foram abertas, a criança foi levada para um abrigo, de onde saiu após um mês. Após pedido do pai, uma ordem judiciária determinou que ela fosse morar com a avó paterna.

LEIA MAIS: Advogado traficante é preso em Goiânia após denúncia anônima

Revelação

Segundo a Polícia Civil, os crimes foram descobertos depois que a menina relatou que fora estuprada a uma professora durante uma aula de educação sexual.

Foi então que o Conselho Tutelar, procurado pela educadora, acionou a polícia. Os investigadores suspeitam que os crimes ocorrem há pelo menos dois anos.

 

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter