MC Biel é condenado a pagar R$ 4 mil a instituição de caridade por injúria

MC Biel foi condenado a pagar R$ 4.400 a uma instituição de caridade| Foto: Divulgação
MC Biel foi condenado a pagar R$ 4.400 a uma instituição de caridade| Foto: Divulgação

O cantor de funk MC Biel  foi condenado a pagar R$ 4.400 para uma instituição de caridade após audiência realizada na tarde desta segunda-feira, 10, em São Paulo. O cantor respondia por injúria no processo movido pela jornalista Giulia Pereira, de 21 anos.

Ao EXTRA, a advogada da jornalista, Ana Paula Cortez, afirmou que chegou a entrar com uma petição de condução coercitiva para evitar uma nova ausência de Biel. Na audiência passada, em 31 agosto, o artista faltou alegando não ter sido notificado.

Biel, que se apresentou neste domingo em Mangaratiba, está sendo investigado pela Delegacia da Mulher sob acusação de assédio sexual após chamar a profissional de “gostosinha” e dizer que “a quebraria no meio”.

LEIA MAIS: Juíza determina a suspensão imediata de concurso da polícia

Jornalista chega ao Juizado Especial Criminal para audiência do caso Biel| Foto: Amauri Nehn/ Extra
Jornalista chega ao Juizado Especial Criminal para audiência do caso Biel| Foto: Amauri Nehn/ Extra

Nota MC Biel

Logo após a audiência, a assessoria de imprensa de Biel enviou um comunicado afirmando que o cantor pagará à instituição beneficente o valor estabelecido pela Justiça e que ele reiterou o pedido de desculpas à jornalista.

“O cantor Biel compareceu à audiência preliminar desta segunda – feira (10), na qual, foi realizado um acordo. O cantor pagará 5 salários mínimos à instituição beneficente. Biel pediu para conversar com a jornalista pessoalmente, reiterou o pedido de desculpas e ambos se entenderam de forma amigável. O processo foi encerrado, sem nenhuma condenação, foi realizado uma transação penal para encerramento do caso. O cantor não se pronunciará mais sobre o assunto”, diz o comunicado.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter

Comentários do Facebook