Médico goiano é preso por tráfico de drogas enquanto atendia paciente

Foi preso na última terça-feira, 15, o médico M. L. A, de 36 anos, acusado de associação ao tráfico de drogas. A prisão aconteceu em seu consultório no Terraço Shopping, em Brasília.

Após as investigações, a Polícia Civil do Distrito Federal chegou à conclusão de que o médico intermediava o comércio de cocaína entre Goiás e o Distrito Federal. De acordo com o delegado Leonardo de Castro, o médico chegou a receber até R$ 3 mil em uma única transação, e que intermediava o trágico entre Goiânia e Distrito Federal à 4 meses.

O médico atendia como endocrinologista, mas segundo o delegado, não tinha especialização na área.

Ostentação

Nas redes sociais, o médico demonstrava ter uma vida de luxo, ostentando carros, joias e uma vida noturna agitada. O rapaz além de médico é formado em farmácia, e cobrava aproximadamente R$ 600 por cada consulta.

Prisão

Para realizar a prisão, os agentes marcaram uma consulta com o médico. Tudo para que ele não fugisse, como havia feito em julho deste ano, quando o primeiro mandado de prisão foi emitido.

Em depoimento, o suspeito negou participar do crime e afirmou ter conhecido os traficantes somente da época de escola. Disse ainda que era apenas usuário de drogas e costumava beber e ir a algumas festas com eles.

O médico se for condenado, pode pegar de 3 à 10 anos de cadeia por associação ao tráfico de drogas.

 

LEIA MAIS:Vingança pornográfica pode ser enquadrada na Lei Maria da Penha

Acompanhe o Folha Z no FacebookInstagram e Twitter

Comentários do Facebook