Motorista que atropelou homem na BR-153 não tem CNH

Vítima saiu do carro para atender ciclista e foi atingido
Vítima saiu do carro para atender ciclista e foi atingido

Motorista que atropelou e matou homem na BR-153, próximo a Anápolis, não tem carteira de motorista. Vítima teria atingido um ciclista, que saiu e ileso, e saiu para atendê-lo, quando foi atingido.

O condutor, um pedreiro de 31 anos, se apresentou a Polícia Civil na terça-feira (11) e segundo a delegada Geinia Maria Eterna, do 5º Distrito Policial, será indiciado por homicídio culposo (quando não há intenção de matar).

Em entrevista ao G1, a delegada afirmou que havia cinco pessoas no veículo, no momento do acidente. Um dos passageiros sugeriu que o pedreiro fosse embora, com medo de que ele fosse agredido. Seguna Geinia, o rapaz disse que ele se apresentaria em seguida, como de fato fez.

Situação

A delegada irá aguardar os laudos e, caso fique comprovado imprudência da vítima ao entrar na rodovia, a situação pode mudar. Porém, de qualquer forma o condutor cometeu um crime ao dirigir sem habilitação, o que pode agravar a pena, caso seja condenado.

Comentários do Facebook