Nasce mais um bebê com microcefalia em Goiânia

Microcefalia é a condição de bebês que nascem com a cabeça menor do que o tamanho esperado (Foto: Reprodução)
Microcefalia é a condição de bebês que nascem com a cabeça menor do que o tamanho esperado (Foto: Reprodução)

Uma criança com microcefalia foi trazida à luz nesta quarta-feira (6) em maternidade no Setor Bueno, em Goiânia. A cabeça da recém-nascida tem perímetro de apenas 29 cm, quando os parâmetros da Organização Mundial de Saúde (OMS) falam em 32 cm.

Os pais são do Mato Grosso e vieram a Goiânia justamente por saberem que a filha havia apresentado problemas de má formação e contam com a boa estrutura no atendimento à saúde na capital goiana. A mãe apresentou sintomas de zika vírus no início da gravidez.

Uma coletiva de imprensa está marcada para as 16h de hoje para tratar dos novos casos confirmados de zika vírus em Goiás.

Zika

Em Goiás, o número de casos de pessoas doentes por causa do zika vírus chegou a três, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. A gerente estadual de Vigilância em Epidemiologia do Estado, Magna de Carvalho, relatou que os dois últimos casos são de uma mulher em Goiânia e de uma criança em Santo Antônio do Descoberto, a última diagnosticada em Brasília.

Acredita-se que a contração de zika vírus por gestantes causa má formação nos fetos, que adquirem microcefalia e nascem com complicações.

O médico Dráuzio Varella comenta que ainda não existem estudos comprovadores a respeito dessa teoria, mas recomenda que casais não planejam a gravidez nesse momento de surto e redobrem a atenção com o mosquito. Confira no vídeo ao lado.

Comentários do Facebook