Nenhuma morte registrada após início da campanha Pipa Sem Cerol

As denúncias pelo 156 também diminuíram em relação aos anos anteriores da campanha
As denúncias pelo 156 também diminuíram em relação aos anos anteriores da campanha

Depois do início da campanha Pipa Sem Cerol, há 42 dias, Goiânia não registrou mais nenhuma ocorrência com vítima fatal provocada pela mistura de vidro com cola. As denúncias pelo 156 também diminuíram em relação aos anos anteriores da campanha.

Desde o primeiro dia da mobilização contra o uso do cerol, promovida pela Guarda Civil Metropolitana (GCM) os trabalhos de conscientização sobre os perigos de se soltar pipas utilizando a mistura vêm se intensificando em toda a capital, principalmente na rede municipal de ensino e nos centros de referência em assistência social (Cras) da Prefeitura de Goiânia.

O grupo Anjos da Guarda da GCM faz palestras em tais locais palestras,  realiza apresentações teatrais e promove atividades de interação com as crianças, juntamente com o grupo Pipeiros de Goiânia, que confecciona pipas e ajuda as crianças a soltá-las.

 

Comentários do Facebook