Morador reclama que obras da UPA Jardim América estão abandonadas

Segundo ele, local sequer tem trabalhadores em serviço ou um vigia. Tudo isso 1 ano e meio após a data em que estava prevista a entrega

As obras da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Jardim América, em Goiânia, seguem em atraso.

Matéria do Folha Z, de abril deste ano, mostrou que a construção já havia completado 1 ano de delonga na época.

Na oportunidade, a Prefeitura de Goiânia relatou em nota que a unidade seria entregue em julho de 2019.

Mas o prazo também não foi cumprido.

Morador da região, Tassiano Alves, de 66 anos, contou à reportagem que a prefeitura instalou uma placa no local das obras anunciando a entrega da UPA em breve.

Placa entrega obras UPA Jardim América
Tassiano Alves, morador do Jardim América, conta que a prefeitura instalou uma placa prometendo entregar a UPA em breve | Foto: Folha Z

“Colocaram a placa no domingo de manhã. Ficamos sem entender, porque não tem ninguém trabalhando na obra. Nem vigia mais a unidade tem. Colocaram um cadeado na entrada principal e foram embora”, relatou tassiano.

Tassiano Alves UPA Jardim América
Tassiano Alves, em entrevista ao Folha Z | Foto: Folha Z

As obras foram inciadas no antigo Ciams, que fica na Praça C-201, no Jardim América.

Sem a unidade, pacientes da região precisam buscar atendimento em outros setores, como Novo Horizonte e Campinas.

Confira fotos do local. Os registros foram feitos em visita realizada nesta quarta-feira, 18:

Prefeitura de Goiânia

A reportagem entrou em contato novamente com o Executivo Municipal para obter resposta sobre o atraso.

Porém, até o fechamento da matéria, às 17h desta quinta, 18, a Secretaria de Comunicação não havia enviado nota.

Assim que uma resposta for enviada, ela será anexada na reportagem.

UPA Jardim América

Anunciada em setembro de 2017, a obra tinha previsão inicial de duração de 6 meses. Ou seja, deveria ser entregue em março de 2018.

Na época do lançamento da obra, os custos estavam orçados em pouco mais R$ 3 milhões.

O objetivo é aumentar o número de atendimentos na região Sul de Goiânia, 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Para isso, o projeto contava com uma ampliação de 1.144,73 m² na estrutura física da unidade.

Pacientes reclamam de situação precária em UPA do Buriti Sereno


Acompanhe tudo que acontece em Aparecida e Goiânia seguindo o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook