Padastro acusado de abusar sexualmente de enteada é preso em Caldas Novas

Padastro acusado de abusar sexualmente da enteada é preso em Caldas Novas | Foto: Reprodução / Polícia Civil
Padastro acusado de abusar sexualmente da enteada é preso em Caldas Novas | Foto: Reprodução / Polícia Civil

A Polícia Civil de Caldas Novas, em conjunto com a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), prendeu, nesta última segunda-feira (4), Anderson Luis de Araújo, de 37 anos. O homem foi acusado de abusar sexualmente da enteada, de apenas 9 anos.

Segundo as investigações, uma médica pediatra, do Pronto Atendimento Infantil da cidade, percebeu que a menina tinha sinais de abuso sexual e chamou o Conselho Tutelar de Caldas Novas. Para a conselheira, a criança disse ter sido abusada pelo padastro, ex-companheiro de sua mãe.

A menina confirmou todas as declarações de abusos sofridos na delegacia. Ela foi submetida a um exame médico legal, que comprovou o crime. Então, a Polícia Civil apresentou um mandato de prisão preventiva de Anderson. Foi considerado, além da comprovação do abuso, que ele tentava se reaproximar da enteada.

LEIA MAIS: Motorista é obrigado a andar com faróis ligados nas rodovias

Mãe omissa

A delegada Sabrina Leles afirmou que a menina está sob os cuidados de uma tia, uma vez que a mãe também é investigada por uma provável omissão frente aos abusos sexuais da filha.

Anderson Luiz de Araújo está na Unidade prisional de Caldas Novas, onde permanece à disposição do Poder Judiciário. O inquérito policial poderá ser concluído em até dez dias.

Comentários do Facebook