Paulo Guedes diz que auxílio emergencial pode ser prorrogado por
Paulo Guedes diz que auxílio emergencial pode ser prorrogado por "1 ou 2 meses" | Fotos: Agência Brasil

O ministro da economia Paulo Guedes anunciou, nesta 4ª feira (20), que o auxílio emergencial de R$ 600 poderá ser prorrogado por “1 ou 2 meses”.

Contudo, o benefício teria o valor reduzido para R$ 200, que era a quantia pretendida inicialmente pelo Governo Federal.

“O que a sociedade prefere? Um mês de R$ 600 ou três de R$ 200? É esse tipo de conta que estamos fazendo. É possível que aconteça uma extensão. Mas será que temos dinheiro para uma extensão a R$ 600? Acho que não”, relatou Guedes.

Coronavoucher

Atualmente, o governo cumpre o calendário divulgado na última semana. Estão sendo pagas a primeira e a segunda parcelas aos beneficiários.

O “coronavoucher” ainda prevê pelo menos mais 1 vencimento, que ainda segue sem data definida.

Caixa inicia pagamento da 2ª parcela do auxílio emergencial


Acompanhe a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook