Jovem mata e arranca olhos e pele do rosto da vítima em Luziânia

Corpo do homem de 57 anos foi abandonado em um matagal

Um jovem de 25 anos foi preso pela Polícia Civil (PC) na última quinta-feira, 21, suspeito de matar com requintes de crueldade um homem de 57 anos.

A prisão ocorreu em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal.

De acordo com informações da PC, o suspeito arrancou os olhos e a pele do rosto do rosto da vítima após matá-la.

No entanto, a investigação ainda não conseguiu apontar a motivação do crime, que aconteceu em 29 de maio de 2018.

O suspeito permaneceu em silêncio durante todo o depoimento.

Descoberta

A apuração foi iniciada pelo Grupo de Investigação de Homicídios de Luziânia após o corpo da vítima ser encontrado em um matagal na zona rural da cidade

Foi um funcionário de uma companhia elétrica que realizava reparos na linha de alta tensão da área quem primeiro viu o cadáver.

A partir daí, a PC conseguiu chegar até o suspeito porque ele estava usando o celular da vítima mesmo após o crime.

Segundo o delegado responsável pelo caso, Maurício Passerine, ainda é investigada a participação de, pelo menos, mais 2 pessoas no assassinato.

Mãe é suspeita de matar a filha de 1 ano a marretadas em Goiânia


Acompanhe tudo que acontece em Goiás seguindo o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook

Comentários do Facebook