2ª Delegacia Regional da PC em Aparecida de Goiânia | Foto: Folha Z
2ª Delegacia Regional da PC em Aparecida de Goiânia | Foto: Folha Z

Um homem foi preso na manhã desta 4ª feira (19) suspeito de espancar e estuprar a própria companheira em Aparecida de Goiânia.

De acordo com a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher, o crime teria ocorrido no último dia 2 de fevereiro, na residência do casal, no setor Cândido de Queiroz.

A polícia só tomou conhecimento dos fatos porque o suspeito teve que chamar socorro médico para levar a vítima, desacordada, ao hospital.

Foi então que a equipe médica detectou dentes quebrados e indícios de abuso sexual no corpo da mulher.

Após ser internada na Unidade de Terapia Intensiva, ela recebeu alta apenas na semana passada.

Ao recobrar a consciência, ela confirmou as agressões. Agora, está se recuperando na casa de familiares.

Suspeito

De posse dessas informações, os policiais civis se descocaram até o local de trabalho do suspeito, que é pintor.

Ele negou o estupro e afirmou que as agressões foram mútuas.

Os 2 se conhecem há 3 anos, mas moravam juntos havia apenas 1 mês.

Detido, ele será indiciado pelos delitos de lesão corporal de natureza grave e estupro de vulnerável, no âmbito de violência doméstica e familiar.

2 morrem em confronto com a CPE na Vila Oliveira


Acompanhe tudo que acontece em Aparecida de Goiânia seguindo a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook