PM promete reforçar a segurança no Setor Jardim América

Major Bonfim

A Polícia Militar (PM) se reuniu com moradores do Jardim América, na última quinta-feira (5), para discutirem soluções para a questão da segurança no bairro. O encontro foi um compromisso da PM na edição do “Bairro que eu tenho, o bairro que eu quero”, realizada nos dias 30 e 31 de março. Na votação, 42% dos moradores apontaram como principal problema a falta de segurança.

 

Na reunião, a polícia apresentou aos moradores um levantamento com as principais ocorrências registradas no setor no mês de março. Também foram definidas estratégias para reforçar a segurança no bairro.

“Nós vamos reforçar nossa ações com o Giro, Rotam, Choque, Cavalaria e, é claro, com o apoio da população, porque ela é importante para combatermos o crime. A população também é uma guardiã do bairro”, explica o major Antônio Moreira Bonfim.

Moradores não comparecem a reunião

A polícia prometeu se reunir todos os meses com os moradores, mas para o jornalista Guilherme Coelho faltou mais participação da população: “Estou satisfeito com a reunião, porém achei que teve pouca participação da comunidade, porque compareceram apenas 25 moradores de um bairro com 80 mil habitantes”.

O coronel Márcio Queiroz explica como deverão funcionar estas reuniões: “Vamos fazer essas reuniões com toda a comunidade justamente para podermos pegar as informações, identificar os problemas. Teremos um calendário que será divulgado no site da polícia para que a população possa ver e participar”.

Os policiais também aproveitaram o encontro e deram dicas para prevenir a ação dos bandidos. A moradora do bairro Elizabeth Costa disse que irá ter mais cuidado na hora de transitar pelo setor.

“Eu sou muito despercebida com a minha bolsa e de agora em diante eu vou andar com a bolsa na frente do corpo o tempo todo. Outra coisa interessante é que agora eu sei que posso entrar em contato a qualquer hora com os policiais, eu não sabia. Se tiver mais oportunidades, eu quero participar mais para poder me defender”.

Do G1 GO, com informações da TV Anhanguera

 

Comentários do Facebook