Efetivo inteiro da PM vai à rua e realiza blitze em Goiânia nesta segunda

Efetivo da Polícia Militar realiza nesta segunda, 31, a Operação Guardião na Região Metropolitana| Foto: Divulgação/PM
Efetivo da Polícia Militar realiza nesta segunda, 31, a Operação Guardião na Região Metropolitana| Foto: Divulgação/PM

A Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO) realiza durante toda a segunda-feira, 31, a Operação Guardião para combater a criminalidade em Goiânia e Região Metropolitana.

Segundo documento, assinado pelo Comandante Geral da PM, coronel Divino Alves, 1500 policiais e mais 300 viaturas foram convocadas para participar da operação. As ações integradas entre as diversas forças de segurança do Estado deram início a uma série de ações em repressão ao crime.

LEIA MAIS: Faxineira necessita de ajuda para reconstruir casa que foi destruída pela chuva

Polícia Militar aborda suspeitos durante operação| Foto: Divulgação/PM
Polícia Militar aborda suspeitos durante operação| Foto: Divulgação/PM

Na capital, houve registros de blitze em diversos pontos. Sob o argumento da redução da criminalidade, policiais militares, Corpo de Bombeiros e Polícia Civil (PC) abordam motoristas e suspeitos.

Coronel

Em sua conta na rede social Twitter, o comandante geral coronel Divino Alves alertou contra a divulgação de locais de blitze na internet. “Importante avisar que comete crime toda pessoa que em redes sociais informa locais de blitz e bloqueios policiais. Estamos monitorando”, disse.

Ocupações

Durante o fim de semana, circularam rumores de que a operação visava desocupar instituições educacionais ocupadas na Região Metropolitana de Goiânia.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter

Comentários do Facebook