Policiais invadem cafeteria e liberam reféns na Austrália

Essa foi a segunda refém a escapar da cafeteria, ainda na manhã dessa segunda-feira (15)
Essa foi a segunda refém a escapar da cafeteria, ainda na manhã dessa segunda-feira (15)

Depois de mais de 16 horas de aflição, a enorme força policial que se concentrava em uma cafeteria de Sidney (Austrália) invadiu o local e liberou os reféns que estavam sob ameaça de um suposto terrorista.

O caso

Um homem que se intitulava muçulmano entrou armado num estabelecimento da cidade mais populosa da Austrália e anunciou que faria todos os presentes como reféns. Entre essas pessoas estava uma goianiense que mora no país há mais de 30 anos.

Através do perfil dessa mulher, o sequestrador anunciou que suas exigências eram uma bandeira do Estado Islâmico, uma conferência com o Primeiro Ministro australiano e a divulgação de certas informações na mídia.

Ainda não há confirmação a respeito do número de pessoas que estavam no local e nem mesmo se houve alguma vítima.

Assista a imagens gravadas no local:

Comentários do Facebook