Policiais não foram ouvidos para escolha da cúpula da Polícia Civil; Odair José era o preferido

Odair José Soares hoje ocupa o cargo de Superintendente de Polícia Judiciária / Foto: divulgação
Odair José Soares hoje ocupa o cargo de Superintendente de Polícia Judiciária / Foto: divulgação

Na manhã desta sexta-feira, 26, o Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Goiás (Sinpol) emitiu uma nota para a sociedade repudiando o descontentamento dos policiais por não terem sido ouvidos antes da definição dos nomes da cúpula da Polícia Civil.

O Sinpol tem ciência de que a escolha é prerrogativa do Secretário de Segurança Pública. Porém, entende, por outro lado, que os policiais deveriam ser ouvidos, para manifestar os nomes com que têm mais afinidade. O sindicato destaca que são os policiais que estão na linha de frente, na batalha, é com eles que o novo Secretário e a nova Diretoria da Polícia Civil contarão.

A entidade realizou uma enquete com os policiais civis, que teve início às 18 horas de quinta-feira, 25 de fevereiro, e se encerrou às 9 horas de hoje. Cada policial teve direito a votar em apenas um nome (uma indicação por CPF).
Resultado: 

1º – Odair José – 178 votos (40%)

2º – Ricardo Chueire – 122 votos (27%)

3º – Álvaro Cássio – 33 votos (7%)

4º – Eduardo Prado – 30 votos (7%)

5º – Deusny Aparecido – 27 votos (6%)

6º – Kleiton Oliveira – 20 votos (4%)

7º – Daniel Adorne – 19 votos (4%)

8º – Alexandre Pinto Lourenço – 9 votos (2%)

9º – Edílson de Brito – 5 votos (1%)

10º – Marcelo Aires – 4 votos (1%)

 

 

Comentários do Facebook