Polícia Civil realiza grande operação de fiscalização em postos de combustíveis de Goiânia

Decon averígua irregularidades em postos de combustíveis da capital | Fotos: Divulgação
Decon averígua irregularidades em postos de combustíveis da capital | Fotos: Divulgação

Grande operação da Delegacia do Consumidor e do Procon Goiás iniciada na manhã desta quinta-feira, 9, visa apurar várias denúncias em vários postos de combustíveis de Goiânia e será estendida até a semana que vem.

Entre as irregularidades averiguadas está o alinhamento de preços. De acordo com o delegado Webert Leonardo, o Procon foi consultado e agentes percorrem estabelecimentos para checar as planilhas e as alterações dos valores cobrados pelos combustíveis.

Outra denúncia recebida pela delegacia é de cobrança indevida de valores diferentes de acordo com a forma de pagamento. Medida Provisória (MP) publicada pelo Governo Federal em dezembro do ano passado permite a prática, mas o delegado alerta que ela é feita de maneira irregular em muitos estabelecimentos.

LEIA MAIS: Secretaria da Fazenda anuncia concurso para 200 vagas e possibilidade de salário inicial de R$ 15 mil

Polícia Civil realiza grande operação de fiscalização em postos de combustíveis de Goiânia | Fotos: Divulgação
Polícia Civil realiza grande operação de fiscalização em postos de combustíveis de Goiânia | Fotos: Divulgação

Irregularidades

De acordo com Wilbert, o objetivo da MP é autorizar descontos para pagamentos à vista. Porém, alguns comerciantes atuam de maneira contrária, aumentando o preço normal para pagamentos com cartão.

Além disso, o delegado ressalta que a operação irá conferir se os postos seguem a legislação sobre a exposição correta e clara dos preços cobrados e da distinção de bombas exclusivas para convênios e outros tipos de promoções.

A adulteração de combustíveis também é um dos focos da ação da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor do Estado de Goiás.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter

Comentários do Facebook