Professora que matou filha recém-nascida é condenada em Goiânia

O ex-marido de Márcia Zaccarelli foi quem denunciou ter achado o corpo da criança no escaninho de um prédio residencial no Setor Bueno

Márcia Zaccarelli recebe veredito de júri popular sobre morte da filha recém-nascida | Foto: Aline Caetano / TJGO
Márcia Zaccarelli recebe veredito de júri popular sobre morte da filha recém-nascida | Foto: Aline Caetano / TJGO

Em júri popular realizado nesta quarta-feira, 1, em Goiânia, Márcia Zaccarelli Bersaneti, recebeu o veredito sobre a acusação de ter assassinato a própria filha recém-nascida.

Ela foi condenada a 18 anos e 8 meses de cadeia.

Márcia também foi responsabilizada pela acusação de ter escondido o corpo da vítima em escaninho do prédio onde morava por cinco anos.

Ainda cabe recurso da decisão.

Ruf Medicina 300 x 250

O caso

Foi no dia 9 de agosto de 2016 que o caso veio à tona em Goiânia.

O ex-marido de Márcia Zaccarelli foi quem denunciou ter achado o corpo da criança no escaninho de um prédio residencial no Setor Bueno.

Presa, ela chegou a confessar o crime, mas mudou a versão várias vezes ao decorrer do processo.

Durante o júri nesta quarta, 1, a professora afirmou que a morte da bebê foi acidental. Além disso, ela declarou que foi o ex-marido o responsável por esconder o corpo.

LEIA MAIS: Avião cai no interior de Goiás

Julgamento foi realizado nesta quarta-feira, 1, e presidido pelo juiz da 3ª Vara dos Crimes Dolosos Contra a Vida e Tribunal do Júri da comarca de Goiânia, Jesseir Coelho de Alcântara | Foto: Aline Caetano / TJGO
Julgamento foi realizado nesta quarta-feira, 1, e presidido pelo juiz da 3ª Vara dos Crimes Dolosos Contra a Vida e Tribunal do Júri da comarca de Goiânia, Jesseir Coelho de Alcântara | Foto: Aline Caetano / TJGO

Sentença

Os jurados entenderam que a ré é culpada pelo crime, uma vez que agiu com frieza, de forma cruel tampou o nariz da própria filha recém-nascida causando-lhe a morte.

Para eles, a ré não tem pertubação da saúde mental e nem doença metal.
Título:

Professora que matou filha recém-nascida é condenada em Goiânia

Olho:

O ex-marido de Márcia Zaccarelli foi quem denunciou ter achado o corpo da criança no escaninho de um prédio residencial no Setor Bueno

“As circunstâncias do crime não lhe favorecem, por atingir vítima recém-nascida, impossibilitando-lhe sua defesa. As consequências do crime são inerentes a esse tipo penal que é de natureza irreversível, pois foi retirada a expectativa de a criança recém-nascida vir a se tronar uma pessoa adulta, formar família e ter uma carreira profissional”, sustentaram os jurados que integraram o Conselho de Sentença.


Quer receber notícias em tempo real?

Mande uma mensagem para o Whatsapp do Folha Z e se cadastre para ter as matérias do Folha Z direto do seu celular!

É só adicionar o telefone do jornal à sua agenda e mandar o SEU NOME e a seguinte mensagem: “QUERO RECEBER NOTÍCIAS EM TEMPO REAL”.