PSDB coleciona novo fiasco em Goiânia

Jogo Limpo com Rodrigo Czepak

Deputado retirou sua candidatura (Foto: Reprodução)
Deputado retirou sua candidatura (Foto: Reprodução)

PSDB coleciona novo fiasco em Goiânia

Em sua carta de despedida, o agora ex-pré-candidato a prefeito de Goiânia, Giuseppe Vecci, assinou o atestado de óbito da articulação política da base governista na capital. Um território onde Marconi Perillo vem colecionando derrotas há 16 anos, exatamente o período pós Nion Albernaz. Lúcia Vânia, Sandes Júnior (2 vezes) e Jovair Arantes foram os protagonistas de fiascos eleitorais, sem direito sequer à disputa de segundo turno.

“Veque” ficou pelo caminho

Se o PMDB já pagou todos os micos em âmbito regional com cinco derrotas consecutivas, o PSDB passa uma vergonha após a outra pelo amadorismo como conduz suas alianças em Goiânia. A postulação precoce de Giuseppe Vecci representou o fundo do poço na capacidade do Palácio das Esmeraldas em bancar um nome na disputa. O tucano perdeu mais tempo tentando encontrar um nome apropriado – Vecci, Veque ou Pepe – do que debatendo propostas com a população.

LEIA MAIS: Vecci desiste da candidatura a prefeito

Fracasso inovador

E ao se afastar, o parceiro de Marconi culpou “circunstâncias políticas” e o fato de seu “projeto inovador” não ter sido assimilado pelo eleitor. Vecci, realmente, tocou na ferida. Não está nada fácil para o goianiense compreender a abrangência da inovação tucana. Uma rápida olhadela nos índices de rejeição do governador Marconi Perillo na capital  é suficiente para compreender a dificuldade na defesa de uma bandeira fictícia, meramente virtual.

Cenário incomum

A terra de ninguém em que se transformou a sucessão de Goiânia está produzindo um cenário nada comum: Delegado Waldir Soares, o líder nas pesquisas, praticamente sozinho na disputa; ex-prefeito Vanderlan Cardoso, o segundo colocado, lutando pra se tornar confiável; e a deputada Adriana Accorsi, terceira na corrida sucessória, se esforçando para não ser atropelada nas articulações.

Osmar Magalhães e Paulo César Fornazier protagonizaram cena curiosa flagradas pelas lentes do Folha Z
Osmar Magalhães e Paulo César Fornazier protagonizaram cena curiosa no escritório do deputado federal Jovair Arantes, no Setor Marista, nesta quarta (3) e foram flagrados pelas lentes do Folha Z

PT articulando com PTB

Os petistas Osmar Magalhães e Paulo César Fornazier tentavam fechar hoje um acordo com o PTB de Jovair Arantes e Luiz Bittencourt. Com a eterna divisão do PMDB, aguçada pelo anúncio de afastamento do ex-prefeito Iris Rezende, e as fraquezas públicas de PT e PSDB, os demais partidos sentem a possibilidade real de assumir o protagonismo político em Goiânia.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter

Comentários do Facebook