Quatro suspeitos morrem após confronto com PM, em Goiânia

Quatro suspeitos foram mortos a tiros após uma troca de tiros com policiais militares, na noite dessa segunda-feira (21), no Parque Balneário, em Goiânia.

Segundo informações da Polícia Militar (PM), os suspeitos estavam em um HB20 clonado e já eram monitorados pela polícia. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas todos morreram no local.

De acordo com a PM, o grupo estava com quatro armas de fogo (2 revólveres calibre 38 e duas pistolas).

Há suspeita que o grupo tenha participação na morte do jovem Danilo Fernandes Roriz, de 19 anos, filho do capitão Ricardo Roriz, lotado no Batalhão Ambiental, e da sargento Beatriz Roriz, da chefia de planejamento estratégico.

O estudante foi executado com uma rajada de tiros, na última segunda-feira (14), na Praça do Violeiro, no Setor Urias Magalhães.

Comentários do Facebook