Conhecido como Totó, o rapper João Gabriel foi assassinado em uma distribuidora no Colina Azul | Foto: Arquivo Pessoal
Conhecido como Totó, o rapper João Gabriel foi assassinado em uma distribuidora no Colina Azul | Foto: Arquivo Pessoal

Um rapper de 33 anos foi morto a tiros na madrugada desta quarta, 20, no setor Colina Azul, em Aparecida de Goiânia.

De acordo com a Polícia Militar, João Gabriel Cardoso de Souza estava em uma distribuidora de bebidas com um amigo, na Avenida Flamingo, quando foi abordado por outro homem.

Foi então que eles começaram a discutir, até que o homem deixou o local.

Minutos depois, ele retornou em uma motocicleta, encapuzado e armado, e disparou contra João Gabriel.

Baleado, ele ainda tentou fugir, mas caiu no chão cerca de 15 m à frente, quando foi atingido outras vezes, no peito, nas costas e na cabeça.

Acionado, o socorro apenas atestou o óbito da vítima no local.

Em seguida, a PM isolou a área e acionou a Polícia Técnico-Científica para realização da perícia.

Rapper

Chamado artisticamente de Totó, João Gabriel era conhecido pela suas produções musicais como rapper.

Nesta quarta, 20, conhecidos compartilharam vídeos de suas músicas para homenagear o cantor.

Vídeo mostra confusão envolvendo PM e tiros em motel de Goiânia


Acompanhe tudo que acontece em Aparecida de Goiânia seguindo a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook