Romaria Virtual do Divino Pai Eterno, em Trindade, foi cancelada | Foto: Divulgação
Romaria Virtual do Divino Pai Eterno, em Trindade, foi cancelada | Foto: Divulgação

O cancelamento da Romaria Virtual do Divino Pai Eterno, em Trindade, foi oficializado nesta 4ª feira (27).

A ideia era que o evento fosse realizado apenas pela internet, com programação de vídeos e transmissão de celebrações pela TV e redes sociais.

Porém, o Santuário Basílica do Divino Pai Eterno acatou recomendação feita pelo Ministério Público de Goiás (MP-GO) e voltou atrás a respeito da realização da romaria, que iria de 26 de junho a 5 de julho.

O ofício informando o cancelamento da festividade virtual foi enviado pelo reitor do Santuário, padre Robson de Oliveira Pereira, ao promotor de Justiça Francisco Bandeira de Carvalho Melo, titular da 2ª Promotoria de Trindade.

Recomendação

Na recomendação encaminhada no dia 22 ao reitor da Basílica e ao prefeito de Trindade, Jânio Darrot, o promotor orientou o cancelamento da programação da romaria, ainda que ela fosse realizada somente pelos meios de comunicação e sem a presença de romeiros.

Isso porque, para o MP, ainda assim haveria o risco de que a manutenção da festividade atraia milhares de fiéis à cidade, aumentando o risco de contaminação pelo coronavírus.

Cenário vermelho: 104 mortes em Goiás confirmam pior previsão da UFG


Acompanhe a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook