Sertanejo se arrepende de criticar beijo de ator da Globo

 

Gagliasso postou essa foto no Instagram
Gagliasso postou essa foto no Instagram

O cantor César Menotti se arrependeu da crítica feita ao ator Bruno Gagliasso e João Vicente de Castro, ex de Sabrina Sato, que se beijaram em um evento na semana passada, em manifesto contra a “intolerância, a mediocridade, a hipocrisia”, como definiu o marido de Giovanna Ewbank, e voltou atrás.

Os fãs do sertanejo demonstraram incômodo com a postura do ídolo. “Achei seu comentário ruim! Sou sua fã, mas certas coisas melhor ficar calado”, escreveu uma admiradora. E, em seguida, ele admitiu que se excedeu: “Tem razão, eu deveria ter ficado calado”.

Na ocasião, Menotti ficou incomodado com as declarações usadas pelo ator na rede social em que dizia: “Foi um beijo de esperança, de amor, de homem com H maiúsculo”. Menotti não gostou e se posicionou contra a atitude dos artistas: “É assim que demonstra ser um homem com H? Se postar um vídeo transando com outro homem aí é ser homem mesmo, seguindo esse raciocínio? Não sou machista, não sou hipócrita, não sou preconceituoso e não beijo outro homem na boca. Mesmo assim, continuo sendo homem com H”.

Gagliasso  não quis polemizar sobre a crítica do sertanejo. “Adoro todas as músicas dele. Desejo todo amor do mundo pra ele e sua família. Muito talentoso”, limitou-se a comentar, após os fãs pedirem que falasse algo sobre o assunto. Mas o ator voltou a fazer um post em sua conta do Instagram dizendo: “Mais importante do quer ser homem com H maiúsculo é ser homem com H de HUMANO”.

Comentários do Facebook