A construção da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Jardim América completou 1 ano de atraso em Goiânia.

Anunciada em setembro de 2017, a obra tinha previsão inicial de duração de 6 meses. Ou seja, deveria ser entregue em março de 2018.

Porém, a unidade não ficou pronta e os pacientes da região precisam buscar atendimento em outros setores, como Novo Horizonte e Campinas.

Upa Jardim América

Ainda na época do lançamento da obra, os custos estavam orçados em pouco mais R$ 3 milhões.

O objetivo é aumentar o número de atendimentos na região Sul de Goiânia, 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Para isso, o projeto conta com uma ampliação de 1.144,73 m² na estrutura física da unidade.

No entanto, em visita à obra nesta sexta-feira, 12, chamou a atenção da reportagem a altura do mato no local.

Prefeitura

O Folha Z procurou a Prefeitura de Goiânia para obter um prazo para a retomada dos atendimentos no local.

Segundo a assessoria de comunicação do Paço, “a obra está prevista para ser entregue em julho”.

“O prédio irá oferecer: 1 consultório de enfermagem, 5 consultórios médicos, 7 consultórios odontológicos, sala de raio-x, observação infantil, observação masculina e feminina, salas de vacina e farmácia, sala de urgência, posto policial, entre outros”, pontuou a nota.

Anunciada em setembro de 2017, obra da UPA Jardim América tinha previsão inicial para ser entregue em março de 2018 | Foto: Divulgação
Anunciada em setembro de 2017, obra da UPA Jardim América tinha previsão inicial para ser entregue em março de 2018 | Foto: Divulgação

Mãe se desespera após filho morrer esperando vaga no corredor do HMI


Acompanhe tudo que acontece em Goiânia seguindo o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook