Os 5 principais nomes a deputado estadual por Aparecida

5 nomes despontam na corrida para deputado estadual por Aparecida | Foto: Reprodução
5 nomes despontam na corrida para deputado estadual por Aparecida | Foto: Reprodução

As eleições 2018 se aproximam e a corrida já se afunila para definir quem serão os candidatos ao pleito.

Em Aparecida de Goiânia, algumas figuras carimbadas largaram na frente na disputa de uma vaga na Assembleia Legislativa de Goiás.

Abaixo, o Folha Z elencou os perfis dos principais candidatos a deputado estadual por Aparecida em 2018. Confira!

Deputado estadual Marlúcio Pereira (PRB) | Foto: Alego
Deputado estadual Marlúcio Pereira  | Foto: Alego

Marlúcio Pereira (PRB)

Economia Total Tatico – 300 x 250

Candidato à reeleição, Marlúcio Pereira tem 56 anos e é um dos nomes mais conhecidos da política aparecidense.

Ele foi o segundo colocado nas eleições de 2016 para a Prefeitura de Aparecida, somando mais de 40 mil votos.

Outro ponto notável de Marlúcio é a dança de cadeiras em relação a sua filiação partidária.

Em 2014, foi eleito deputado estadual com 30.957 votos pelo PTB. Mas acabou trocando o partido de Jovair Arantes pelo PSB, de Lúcia Vânia.

Depois, ainda tentou retornar ao PTB, onde não foi mais aceito. Por fim, filiou-se ao PRB, do deputado federal João Campos.

Uma das maiores dores de cabeça para o deputado é a possibilidade de que sua candidatura seja barrada.

Isso porque ele e o ex-prefeito de Aparecida José Macedo foram condenados por atos de improbidade administrativa em 2016 e tiveram seus direitos políticos suspensos por cinco anos.

De acordo com o Ministério Público, verbas municipais teriam sido usadas pelos dois políticos para distribuir brindes em eventos.

Marlúcio tenta uma liminar para disputar as eleições em 2018, mas já tem um plano B para o caso de não conseguir.

Nesse cenário, o deputado lançaria sua irmã Cida Pereira à Assembleia Legislativa de Goiás.

Talvez para viabilizar essa possibilidade, assessores de Marlúcio já começaram a disparar mensagens positivas em relação a Cida em vários grupos de Whatsapp e no Facebook.

Marlúcio declarou patrimônio de R$ 614.791,58 ao TSE nas eleições de 2016.

LEIA MAIS: Partido de peso da base aliada declara apoio à pré-candidatura de Demóstenes Torres ao Senado

Ex-secretário de Desenvolvimento Econômico Ozair José (MDB) | Foto: Reprodução
Ex-secretário de Desenvolvimento Econômico Ozair José | Foto: Reprodução

Ozair José (MDB)

Outro nome forte a deputado estadual por Aparecida é o ex-secretário de Desenvolvimento Econômico Ozair José.

Ele tem encontrado facilidade para aglutinar as lideranças em torno do seu nome no desejo de retornar à Assembleia estadual.

Dos 25 secretários da gestão Mendanha, 60% teriam preferência por Ozair.

Três deles já declararam até apoio público: Fábio Camargo (Procurador-Geral do Município), Professor Luziano (Mobilidade e Defesa Social) e Rodrigo Caldas (Governo).

Caldas, por exemplo, é um dos homens mais fortes da equipe de Gustavo Mendanha. Seu nome ganhou importância com a mudança da Educação para o Governo.

Outro apoio de peso declarado a Ozair é do presidente da Câmara de Aparecida Vilmarzim.

Seu auxílio tende a levar mais 10 vereadores para a candidatura do ex-secretário.

Para dar ainda mais gás à candidatura, Maguito e Léo Mendanha fazem questão de que Ozair seja eleito.

Ozair declarou patrimônio de R$ 1.307.079,87 ao TSE nas eleições de 2014.

Ex-secretário de Desenvolvimento Urbano Max Menezes (MDB) | Foto: Câmara de Aparecida de Goiânia
Ex-secretário de Desenvolvimento Urbano Max Menezes | Foto: Câmara de Aparecida de Goiânia

Max Menezes (MDB)

O segundo nome que tem aval da Prefeitura de Aparecida na disputa de uma vaga de deputado estadual é o de Max Menezes.

Filho do ex-prefeito de Aparecida Ademir Menezes, Max já passou por PR, PSD e agora está no MDB.

E a sua filiação ao partida foi justamente uma das condições para que ele se tornasse um dos candidatos de Mendanha.

Porém, no MDB, há desconfiança dos maguitistas em relação à histórica relação da família Menezes ao governo peessedebista em Goiás.

Mas o ex-secretário de Desenvolvimento Urbano tem se beneficiado da articulação de Mendanha.

Sabedoria de Gustavo Mendanha

Com sabedoria, o prefeito evita que um dos seus candidatos tenha mais apoio ou estrutura que o outro.

Para ele, é necessário que Aparecida tenha mais deputados estaduais representando os interesses do município no cenário estadual.

Contudo, é notável que Ozair saiu na frente de Max na conquista de apoios significativos.

Max declarou patrimônio de R$ 158.487,92 ao TSE nas eleições de 2008.

Vereador Gleison Flávio (MDB) | Foto: Câmara de Aparecida de Goiânia
Vereador Gleison Flávio | Foto: Câmara de Aparecida de Goiânia

Gleison Flávio (MDB)

Dentro da Câmara Municipal, dois vereadores já articulam para viabilizarem a disputa por uma vaga na Alego.

Um deles é Gleison Flávio. Ele, que já foi filiado ao PT do B, hoje está também no MDB.

Radialista, Gleison tem a voz conhecida em todos os cantos do Estado.

Seu desafio está na dificuldade de angariar apoio, tanto em seu partido quanto em relação aos próprios colegas de Câmara.

Nessa situação, seus principais apoiadores têm sido lideranças locais e de empresários do ramo das loterias.

Gleison declarou patrimônio de R$ 464.100 ao TSE nas eleições de 2016. 

Vereador Rosildo (PP) | Foto: Câmara de Aparecida de Goiânia
Vereador Rosildo | Foto: Câmara de Aparecida de Goiânia

Rosildo (PP)

Outro vereador que tenta viabilizar seu nome é Rosildo (PP).

Com 49 anos e natural de Ceres, ele foi eleito com 1.537 votos em 2016.

Em entrevista ao “Diário de Aparecida”, Rosildo afirmou que recebeu convite particular do senador Wilder Morais (PP) para declarar a candidatura a deputado estadual por Aparecida.

Seu nome pode servir como elo entre o governador José Eliton (PSDB) e o município.

Isso por que os dois têm forte ligação desde o tempo em que Eliton ainda integrava os quadros do Partido Progressista.

Além disso, sua candidatura será uma dobradinha com a do Professor Alcides, que se candidatará a deputado federal pelo PP.

Rosildo declarou patrimônio de R$ 1.347.198,99 ao TSE nas eleições de 2016. 

Deputado estadual por Aparecida 

Na atual legislatura, composta em 2014, apenas um representante aparecidense conquistou vaga.

Foi Marlúcio Pereira (PRB), um dos nomes apontados como protagonistas da corrida em 2018.