Aparecida de Goiânia: Gustavo Mendanha é eleito no primeiro turno

Mendanha vai suceder seu padrinho político | Foto: Laíse Coelho
Mendanha vai suceder seu padrinho político | Foto: Laíse Coelho

Gustavo Mendanha do PMDB foi eleito, neste domingo, 2, prefeito de Aparecida de Goiânia. O peemedebista conquistou o voto de 122.222 mil eleitores, vencendo, em primeiro turno, com 59,99% dos votos válidos, os outros dois candidatos que disputavam as eleições municipais que tiveram 21,11%, Marlúcio Pereira (PSB) e 18,91%, Professor Alcides (PSDB).

Chácara do Passarinho

A comemoração ocorreu após o final da apuração na Chácara do Passarinho, setor Village Garavelo e contou com a presença de três mil pessoas.
“Quero agradecer a todos que trabalharam junto comigo e com Veter Martins para que chegássemos estar aqui hoje comemorando nossa vitória. Prometo não decepcioná-los e irei trabalhar arduamente e com muita responsabilidade para que Aparecida continue trilhando os caminhos do progresso, pensando sempre no futuro de nossa cidade. Irei governar não só para quem votou em mim hoje, mas para todos os aparecidenses”, disse emocionado.

publicidade

O novo prefeito enfatizou ainda que todos que trabalharam e acreditaram no projeto de continuidade foram peças fundamentais para a vitória neste domingo. “Todos vocês, vereadores, servidores municipais, secretários e a juventude aparecidense, foram peças chave. Quero agradecer especialmente minha esposa, Mayara Mendanha e a esposa do Veter, Kassy Anne, que junto com as mulheres guerreiras foram peças chaves de nossa vitória”, enfatizou Gustavo.

Histórico

Gustavo Mendanha tem 33 anos e é o prefeito mais jovem da história do município. Casado, pais de dois filhos, o novo prefeito de Aparecida é filho do ex-deputado Léo Mendanha, já foi secretário de esportes e eleito vereador e presidente da Câmara por duas vezes. Sucedendo o prefeito Maguito Vilela (PMDB), o novo prefeito falou na comemoração da vitória, que dará continuidade ao desenvolvimento da cidade.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter