Wegney Costa assume partido e sai na frente entre assessores de Gustavo

Um dos principais beneficiados pelo desfecho dessa história será o vice-prefeito Veter Martins. Entenda

Blog do Coelho

Após muitas articulações, Wegney Costa assumiu a presidência do PMN em Aparecida de Goiânia nesta quinta, 19.

Assessor na Secretaria Municipal de Governo, ele chegou a ter conversas com o presidente estadual do Avante, Thialu Guiotti.

Apesar de ter mostrado interesse e até surpresa com a capacidade de Wegney, Thialu acabou escolhendo Rodrigo Caldas para comandar o Avante em Aparecida devido a uma amizade pessoal.

Em política, porém, deve-se sempre primar pelo pragmatismo.

Wegney e seu grupo de pré-candidatos trariam muito mais resultado para o Avante, como trarão para o PMN.

E um dos principais beneficiados pelo desfecho dessa história será o vice-prefeito Veter Martins, que é ligado ao grupo do novo presidente municipal do PMN.

Novo presidente municipal do PMN, Wegney Costa; presidente estadual do PMN, Paulo Roberto Daher; e vice-prefeito de Aparecida, Veter Martins | Foto: Reprodução
Novo presidente municipal do PMN, Wegney Costa; presidente estadual do PMN, Paulo Roberto Daher; e vice-prefeito de Aparecida, Veter Martins | Foto: Reprodução

Dessa maneira, a perspectiva de eleger vereadores aliados em 2020 aumentará, e muito, o poder de negociação do vice-prefeito nas tratativas pré-eleitorais.

PMN

Nesta quinta-feira, o presidente estadual do PMN, Paulo Roberto Daher, tinha uma reunião marcada com o prefeito de Aparecida Gustavo Mendanha para selar o acordo.

Médico, ele foi alistado para fazer uma cirurgia e não pode comparecer.

Por isso, enviou seu filho, o vereador por Goiânia Paulo Daher Filho (DEM), como representante.

Paulo Daher Filho (DEM) chancela Wegney Costa como presidente do Avante em Aparecida | Foto: Folha Z
Paulo Daher Filho (DEM) chancela Wegney Costa como presidente do PMN em Aparecida | Foto: Folha Z

Por meio do interlocutor, Daher deu total liberdade para Wegney atuar em aparecida sob 1 única condição: responsabilidade.

Ele quer seriedade, transparência e vigilância para que o partido não sirva para a venda de candidaturas ou mesmo candidatos “laranja”.

Agora no comando de um partido, Wegney sai na frente de outros colegas assessores do prefeito que visam voos maiores nas próximas eleições.

Aliados de Iris temem protagonismo de Maguito na sua ausência


Quer receber notícias da política de Aparecida?

Você está convidado a fazer parte de um grupo altamente bem informado sobre os rumos da cidade.

É só seguir a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook