Comurg presta contas do salário de Ormando, novo presidente da pasta

Contra-cheque de fevereiro, conforme explicado na nota
Contra-cheque de fevereiro, conforme explicado na nota

Após publicação da matéria “Ormando já gera polêmica na Comurg”, a assessoria da Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg) entrou em contato com o Folha Z, por meio de e-mail, e solicitou uma nota de resposta.

Em anexo, eles enviaram os contra-cheques do atual presidente da companhia, Ormando José Pires Júnior.

Veja a nota abaixo:

“Em resposta ao que foi divulgado no Jornal, no dia 3 de maio, enviamos os contra-cheques do servidor Ormando José Pires Júnior.

Conforme se vê nos contra-cheques enviados do servidor Ormando José Pires Júnior, atual presidente da Comurg, fevereiro foi um mês atípico, pois ele tirou férias, recebeu dois salários: um das férias e outro de adiantamento de salário; fez jus ao pagamento do 13°, que na Prefeitura é pago sempre no mês de aniversário; vendeu 10 dias e recebeu um terço de abono pecuniário, tudo dentro da legalidade (CLT). Veja que em março ele só recebeu 850 reais. Em abril, ele recebeu 4 mil e poucos, pois as gratificações foram suspensas. Ninguém recebe salário acima do teto constitucional, ou seja, mais de 19 mil e 600 reais.”

Comentários do Facebook