Coordenador da campanha de Zé não usa adesivo de Marconi em carro

Comitê central do candidato José Eliton, na Avenida T-63, amanheceu praticamente vazio nesta sexta-feira, 5

Nem mesmo coordenador da campanha de Zé usa adesivos de Marconi | Foto: Leitor / Folha Z
Nem mesmo coordenador da campanha de Zé usa adesivos de Marconi | Foto: Leitor / Folha Z

O comitê central do candidato José Eliton, localizado na Avenida T-63, amanheceu praticamente vazio nesta sexta-feira, 5.

A divulgação da pesquisa do instituto Real Data Big Time, pela Record Goiás, a menos de três dias para as eleições, esfriou os ânimos dos governistas.

Poucos militantes e lideranças políticas passaram pelo local. O clima entre os presentes era de desânimo.

Na manhã desta sexta, 5, comitê governista estava deserto | Foto: Leitor / Folha Z
Na manhã desta sexta, 5, comitê governista estava deserto. Para tentar animar, som estava ligado com músicas da campanha | Foto: Leitor / Folha Z

Alguns, mais confiantes, ainda acreditam que haverá disputa de 2º turno.

Outros nem tanto.

Coordenador geral da campanha de Zé Eliton, Charles Antônio esteve no comitê na parte da manhã.

Ele chegou em um Toyota Corolla, alugado para a campanha.

Charles carregava um notebook e entrou direto para dentro de uma das salas reservadas do local.

Mas o que chamou a atenção foi que o veículo não tinha adesivo de Marconi Perillo ou Lúcia Vânia, candidatos ao Senado pela chapa governista.

Comitê de campanha do governador José Eliton estava vazio na manhã desta sexta, 5 | Foto: Leitor / Folha Z
Comitê de campanha do governador José Eliton estava vazio na manhã desta sexta, 5 | Foto: Leitor / Folha Z

Dados desfavoráveis à campanha de Zé

Números do Real Time Big Data, divulgados na noite desta quinta-feira, 4, mostra que Ronaldo Caiado disparou:

Pesquisa Real Time Big Data/TV Record
Pesquisa Real Time Big Data/TV Record

LEIA MAIS | Grupom: Marconi despenca e é o 4º na disputa pelo Senado


Acompanhe tudo que acontece em Goiânia seguindo o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook