Demóstenes defende escola em tempo integral em visita a anicuns

O procurador de Justiça defende modelo de escola integral semelhante ao aplicado nos EUA e Europa

De volta às origens: o procurador Demóstenes Torres visita sua cidade natal, Anicuns, interior de Goiás | Foto: Divulgação
De volta às origens: o procurador Demóstenes Torres visita sua cidade natal, Anicuns, interior de Goiás | Foto: Divulgação

O procurador de Justiça e candidato a deputado federal Demóstenes Torres voltou a defender a implantação da escola em tempo integral no Brasil ao visitar a sua cidade natal, Anicuns, nesta quinta-feira, 27.

Neste dia, Demóstenes também participou de uma caminhada em Trindade e de uma reunião no Jardim Balneário Meia Ponte, em Goiânia.

“Eu quero fazer a escola em tempo integral que não me deixaram fazer em Brasília. O modelo é o mesmo de países como os Estados Unidos e Europa”, defendeu o candidato.

“O poder público cuida da criança. Busca o aluno na casa, leva pra escola, serve o café da manhã, leciona. Almoça, descansa, tem brincadeiras, reforço escolar, aprende línguas, aprende música e aprende uma profissão”, emendou ao explicar como funciona o modelo.

Demóstenes defende escola integral para crianças. O modelo é aplicado em países da Europa e também nos Estados Unidos | Foto: Divulgação
Demóstenes defende escola integral para crianças. O modelo é aplicado em países da Europa e também nos Estados Unidos | Foto: Divulgação

Carreira

Emancipação Aparecida 300×250

Demóstenes Torres nasceu no dia 23 de janeiro de 1961, no município de Anicuns. Filho do comerciante e vereador Avelomar Torres e da dona de casa Luzia Xavier Torres, o penúltimo de uma família numerosa, ao todo 12 irmãos.

Apenas com três anos de idade muda-se para Goiânia.

O pai viu nos estudos a chance para uma mudança de vida para os filhos e decidiu levá-los para o centro político do estado em busca de boas escolas.

“O estudo foi extremamente importante para a minha vida. Foi graças a ele que pude passar em todos os concursos públicos que fiz e seguir no Ministério Público. A educação é o que abre mais portas na vida”, continuou o procurador.

Segurança pública

Na reunião do setor Balneário Meia Ponte, Demóstenes falou de suas propostas para a área da segurança pública.

O procurador de Justiça defendeu a implantação da prisão perpétua em casos de crimes violentos.

“É uma medida dura, mas necessária devido à atual situação da violência no país”, explica.

A proposta prevê penalizar líderes de facções criminosas, pedófilos, estupradores e homicidas reincidentes.

LEIA MAIS: Demóstenes quer criar órgão para atender crianças carentes no Entorno