Deputados goianos gastam fortuna com viagens aéreas

Roberto Balestra aparece no topo da lista
Roberto Balestra aparece no topo da lista

Os deputados federais por Goiás não economizaram com viagens aéreas nesse ano. Ao todo, os parlamentares do Estado gastaram R$ 184.512,18 com passagens e fretes de aeronaves. Tudo isso para ir até Brasília, cidade a pouco mais de 200 quilômetros de Goiânia.

O dinheiro gasto é oriundo da cota parlamentar, que varia para cada Estado, justamente porque leva em consideração o preço das passagens aéreas e a distância até a capital federal.

Cota parlamentar de R$35 mil

Por esse fator, os deputados goianos recebem a segunda menor cota, no valor de R$ 35.135,20.

No topo da lista aparece o deputado Roberto Balestra (PP). O parlamentar gastou cerca de R$ 4 mil com passagens e mais R$ 40 mil com o aluguel de táxi aéreo. Na sequência, aparecem Jovair Arantes (PTB) e João Campos (PSDB), que gastaram, respectivamente, R$ 38.794,08 e R$ 35.840,36.

Além dos gastos com translado aéreo, os deputados também gastaram com o fretamento de veículos automotores. Além das despesas entre Goiânia e Brasília, muitos parlamentares também utilizaram o serviço para se locomover para o interior de Goiás.

O deputado Fábio Sousa (PSDB) foi o único que não gastou nenhum centavo com passagens aéreas. Ele usou pouco mais de R$ 9 mil da cota parlamentar no ano de 2015 apenas para fretamento de veículos automotores.

 

Comentários do Facebook