Camila Rosa depõe à PC e entrega pen drive com evidências de fake news e crimes contra a honra | Foto: Divulgação
Camila Rosa depõe à PC e entrega pen drive com evidências de fake news e crimes contra a honra | Foto: Divulgação

Camila Rosa (PSD) prestou depoimento no 5º Distrito Policial de Aparecida de Goiânia na tarde desta 5ª feira (9).

A pré-candidata a vereadora foi chamada a prestar mais informações sobre a investigação de supostos crimes contra a honra cometidos contra ela pelas redes sociais.

À Folha Z, ela revelou que levou um pen drive com evidências de uma possível campanha de difamação contra a sua reputação.

Atribuindo ao seu nome a responsabilidade pelo escalonamento estabelecido para as feiras em Aparecida, as mensagens seriam uma tentativa de atrapalhar a pré-campanha de Camila entre um dos seus segmentos de apoio.

A partir de semana que vem, os averiguados serão intimados para depoimentos à Polícia Civil.

“Você é responsável pelo que faz e compartilha. Fake news é crime”, ressaltou a pré-candidata.

Camila Rosa pretende levar mensagens difamatórias à polícia


Quer receber notícias da política de Aparecida?

Você está convidado a fazer parte de um grupo altamente bem informado sobre os rumos da cidade.

É só seguir a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook