Prefeito Gustavo Mendanha (MDB) decreta luto oficial pelas 105 mortes por covid-19 em Aparecida | Foto: Jhoney Macena/Ilustrativa
Prefeito Gustavo Mendanha (MDB) decreta luto oficial pelas 105 mortes por covid-19 em Aparecida | Foto: Jhoney Macena/Ilustrativa

O prefeito Gustavo Mendanha (MDB) declarou luto oficial de 3 dias em Aparecida de Goiânia “em sinal de pesar pelos falecimentos ocorridos no município em razão do coronavírus”.

A determinação foi publicada na edição desta 2ª feira (20) do Diário Oficial Eletrônico.

Até o domingo (19) já haviam sido confirmadas 105 mortes por complicações da covid-19 entre pacientes aparecidenses.

Confira o texto: 

“DECRETO “N” Nº 259, 20 DE DE JULHO DE 2020.

Declara Luto Oficial no Município.

O PREFEITO MUNICIPAL DE APARECIDA DE GOIÂNIA, no uso de suas atribuições legais,

CONSIDERANDO esse cenário, que traz intenso sofrimento às famílias das vítimas do Coronavírus, consternando, ainda, toda a população do Município de Aparecida de Goiânia;

CONSIDERANDO também, a necessidade de registrar o sentimento comum de toda a sociedade em razão das perdas dessas vidas, com impacto na história da cidade, não obstante os esforços do Poder Público Municipal em dispor de todos os meios e instrumentos possíveis para salvá-las;

CONSIDERANDO, ainda, a legislação federal e demais decretos que se aplicam ao presente reconhecimento,

DECRETA:

Art. 1º – Fica declarado Luto Oficial no Município, por 3 (três) dias, a partir desta data, em sinal de pesar pelos falecimentos ocorridos no Município de Aparecida de Goiânia, em razão do Coronavírus (COVID-19).

Art. 2º – Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Gabinete do Prefeito Municipal de Aparecida de Goiânia-GO, 20 de Julho de 2020.

GUSTAVO MENDANHA MELO

Prefeito Municipal”

LEIA MAIS SOBRE A PANDEMIA EM APARECIDA 👉 Alto índice de contágio na prefeitura preocupa servidores


Quer receber notícias da política de Aparecida?

Você está convidado a fazer parte de um grupo altamente bem informado sobre os rumos da cidade.

É só seguir a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook