Prefeito de Aparecida diz que vai economizar R$ 2 milhões com reforma administrativa

Gustavo Mendanha pretende economizar cerca de 2 milhões de reais| Foto: Reprodução
Gustavo Mendanha pretende economizar cerca de 2 milhões de reais| Foto: Reprodução

Após ser empossado como novo prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha (PMDB), disse que pretende reduzir gastos em cerca de 2 milhões de reais e modernizar a gestão.

“Enviaremos um Projeto de Lei reduzindo o número de secretarias da cidade de 27 para 20. Isso vai gerar uma economia de aproximadamente R$ 2 milhões. Permitindo que possamos investir na cidade”, afirmou.

Em relação aos seus projetos à frente da Prefeitura, Mendanha listou algumas de suas prioridades. Segundo o Chefe do Executivo, um dos pontos de destaque de sua administração é investir no atendimento e humanizar a saúde.

publicidade

“Melhorar a Saúde. O prefeito Maguito Vilela deixou uma grande quantidade de unidades construídas. Temos a meta de melhorar o atendimento e de humanizar este atendimento. Além disso, implantaremos uma plataforma para tornar a cidade de Aparecida em uma cidade inteligente”, disse.

LEIA MAIS: Ronaldo Coelho é o novo secretário de Comunicação de Aparecida de Goiânia

Educação

Dando sequência à sua lista de prioridades, ele conta que pretende continuar investindo em educação e, neste sentido, atrair novas faculdades. “Iremos ampliar ainda mais os nossos Polos Industriais, gerando mais emprego e renda para a população de Aparecida”, destacou.

Gustavo elogiou o mandato do seu antecessor e disse que pretende modernizar o poder. “É claro que vamos inovar e modernizar esta gestão. Mas vamos continuar com os pilares da administração Maguito Vilela: investir em Infreaestrutura; continuar pavimentando as ruas; dar uma atenção muito especial às crianças, às mulheres e aos nossos idosos”, concluiu.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter